Teologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1216 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sexualidade e Espiritualidade


I. O que o mundo diz sobre o sexo? Influencias que recebemos diariamente.

A. Influência da mídia.
1. Revistas (incentivam a sensualidade e trazem informações distorcidas, incompletas e romanceadas);
2. Televisão e filmes (enfatizam casos pré-matrimoniais e extraconjugais de forma romanceada. Casamentos são retratados como sem graça -acontecem brigas, não há romance nem beijos. Conseqüências negativas não são exibidas);
3. Videoclipes (MTV - muitas músicas e cenas incentivam a atividade sexual);
4. Internet.
5. Influência de programas contemporâneos de educação sexual (tem valores neutros, sem moral, somente informação).
6. Influência da família (divórcios, adultérios, instruções moraisconfusas e não convincentes, falta de diálogo franco).


II. Qual é o ponto de vista cristão sobre sexo?

A. O sexo é essencialmente bom. A matéria e o universo físico, inclusive o corpo humano e seus órgãos. Gn 1.27, 31; 1 Tm 4.4; Tt 1.15; (contrário ao ascetismo). A banalização (banal: vulgar, trivial, corriqueiro), vulgarização (comum, trivial, usado, vulgar) e perversão (ato ou efeito deperverter; corrupção; desvio do modo normal de comportamento) do sexo na nossa geração se dá devido à visão distorcida e incorreta desta verdade (baixa auto-estima e senso de valor próprio).

B. O sexo é poderoso (multiplicar e encher). Gn 1.28.
1. O esperma masculino e o óvulo feminino se unem concebendo uma criatura que tanto se assemelha a Deus quanto o representa na terra.2. Certamente se tornará uma criatura imortal.
3. Conseqüências da prática indiscriminada do sexo:


• Morais: perda do senso de certo e errado;
• Psicológicas: senso de inutilidade, baixa auto-estima;
• Sociais: DST’s, HIV, abortos, gravidez precoce, deficiências físicas (por não terem feito exames pré nupciais), etc.C. O sexo precisa ser controlado. Ninguém em sã consciência deixaria crianças imaturas brincarem com dinamite. Deve haver uma maneira de canalizar e dirigir o poder do sexo para o bem dos homens. Qual? Mt 19.6.


D. O sexo não é só para procriar, mas também para prazer. Nem todo prazer é bom. Ex: estupro, crimes sexuais sádicos, uso de drogas. Hedonismo. O único alvo de vida humanaé a obtenção do prazer, paralelamente a tentativa de evitar a dor e o sofrimento. No campo da ética é associado a uma grosseira auto-indulgência e aos interesses próprios, de modo extremamente egoísta.


E. Sexo tem seu tempo certo.
1. Os preceitos de Deus sobre a sexualidade humana estão firmados em 3 princípios: amor (Rm13. 9-10), pureza (Hb 13.4) e fidelidade.
2.Segundo a Bíblia, imoralidade sexual é todo sexo praticado fora do casamento (inclusive o pré-conjugal). Deus deixa claro o seu padrão: o envolvimento sexual fora do casamento é errado.
3. O mandamento de Deus para evitar o relacionamento sexual antes do casamento não foi dado para privar o prazer. Não é da vontade de Deus tirar o divertimento e a alegria da vida. Pelo contrário, seu amor fezcom que proibisse o relacionamento sexual antes do casamento por causa das muitas conseqüências que acontecem.
4. Os mandamentos de Deus são proteção e provisão. Deus quer o nosso bem.


III. Função do sexo.

A. Antes do casamento. Não há. A relação já é um tipo de casamento ou inicio. Se estiver fora de um compromisso vitalício do amor, então é um “casamento” ruim. Na realidade, é umpecado que a Bíblia chama de fornicação. Gl 5.19; 1 Co 6.16-18. A prostituição é considerada um casamento ilegítimo.
1. Fornicação: relações sexuais entre pessoas solteiras.
2. Prostituição: relações sexuais ilícitas entre pessoas casadas com solteiras (adultério). Qualquer ato sexual ilícito, ou seja, fora do casamento.
O casamento civil é a legalização do relacionamento sexual...
tracking img