Teologia da prosperidade e teologia latino americana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1924 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Teologia Latino Americana e Teologia da prosperidade

O meu TCC está sendo desenvolvido com o seguinte tema: “Teologia da prosperidade e as conseqüências para o culto da igreja evangélica. Pretendo através dessa redação fazer um resumo do surgimento dessas teologias e também uma reflexão comparando pontos importantes e divergências.
A Teologia Latino Americana teve seu inicio na décadade cinqüenta entre as igrejas protestantes, mas se fortaleceu na década de sessenta com a entrada da igreja católica romana.
Ela também é conhecida como Teologia da Libertação que nasceu da influência de três frentes de pensamento: o Evangelho Social das igrejas norte-americanas, trazido ao Brasil pelo missionário e teólogo presbiteriano Richard Shaull, a Teologia da Esperança, do teólogoreformado Jürgen Moltmann e a Teologia Política.
Não podemos deixar de citar outra teologia latino americana a Teologia Evangelical ou Missão Integral, na mesma linha da Teologia da Libertação embora seja menos fundamentalista, ela junta a espiritualidade do evangelho, o novo nascimento, ações sociais e o evangelismo. Ela não está presente nas igrejas católicas, somente nas evangélicas. Surgiu em1974 no Congresso Mundial de Evangelização em Lausenne Suíça. Nomes importantes da Teologia Latino americana como: Renê Padilla, Samuel Escobar e Orlando Costa participaram desse Congresso.
A teologia da libertação é uma teologia pouco compreendida, difamada, perseguida e condenada pelos poderes desse mundo, porque é a teologia que cuida dos pobres e dos oprimidos. Os poderes da economia e domercado condenam essa teologia porque ela luta pelas classes esquecidas e marginalizadas, aqueles que estão fora do mercado e são zeros econômicos. Foi condenada também pelos poderes eclesiásticos por anunciar e afirmar que o pobre pode ser construtor de uma nova sociedade e de outro modelo de igreja. Por tomar partido pelos pobres e oprimidos é excluída dos poderes civis e religiosos.
A marcaregistrada da Teologia da libertação é ajudar os pobres contra sua miséria e lutar a favor de sua vida e liberdade.
Para que possamos entender melhor a Teologia da Libertação olhemos para o final dos anos sessenta e vemos um clamor por liberdade e libertação que tomou conta dos jovens europeus, depois norte americanos e por fim dos latino americanos. Em todas as áreas da vida como cultura,política, nos hábitos cotidianos, derrubaram-se esquemas tidos por opressores.
A igreja foi tomada por esse desejo de libertação e começaram a se perguntar: No que podemos contribuir com a mensagem do Cristo libertador? Esta questão era colocada por cristãos que já militavam politicamente nos meios populares e nos partidos que queriam a transformação da sociedade.
O Concílio Vaticano II abrea igreja para a sociedade e para o ecumenismo, dessa abertura surgem figuras proféticas como as pastorais sociais, o engajamento direto de grupos cristãos em movimentos políticos de libertação e as CEBs (Comunidades Eclesiais de Base), que são comunidades ligadas à igreja Católica e foram incentivadas pelo Concílio Vaticano II e pela Teologia da Libertação.
Consistem em comunidades reunidasgeralmente em função da proximidade territorial e de carências em comum, nas zonas rurais e nas periferias, compostas por membros insatisfeitos das classes populares, vinculados a uma igreja, cujo objetivo é a leitura bíblica em articulação com a vida, com a realidade política e social em que vivem e com as misérias cotidianas com que se deparam. Possuem uma vivencia mais autentica do evangelho,menos formal, menos institucional. Podem de uma maneira mais livre ler a Bíblia.
Através do método ver-julgar-agir, buscam olhar a realidade em que vivem
(VER), julgá-las com os olhos da fé (JULGAR) e encontrar caminhos de ação impulsionados por este juízo á luz da fé (AGIR).
Essa teologia não foi inventada por nenhum teólogo, mas surgiu do movimento mundial e latino americano, por um...
tracking img