Tendência liberal renovadora não-diretiva: escola nova

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 10 (2368 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 13 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TENDÊNCIA LIBERAL RENOVADORA NÃO-DIRETIVA: ESCOLA NOVA

Introdução

A Escola Nova, também conhecida como Escola Ativa ou Escola Progressiva, foi um movimento de reforma da educação, teve seu início no fim do século XIX e se fortaleceu nas primeiras décadas do século XX.
Teve origem na Europa e América do Norte, chegou ao Brasil em 1882, pelo intelectual Rui Barbosa, e desempenhou grandeinfluência nas transformações geradas no ensino na década de 1920. Nesse período o país passava por uma série de mudanças sociais, políticas e econômicas.
O mundo vivia, na época, um tempo de desenvolvimento industrial e de expansão urbana e, nessa conjuntura, um grupo de intelectuais brasileiros percebeu a necessidade de preparar o país para acompanhar esse desenvolvimento. A educação era entendida,por esses intelectuais, como o carro-chefe para promover a remodelação demandada por todo o progresso na então atualidade.
Movidos pelas ideias político-filosóficas de igualdade entre os homens e do direito de todos à educação de qualidade, esses intelectuais visualizavam num sistema governamental de ensino público, livre e aberto, o único caminho eficaz de combate às diferenças sociais.
Omovimento ganhou força na década de 1930, após a divulgação do Manifesto da Escola Nova de 1932.

Desenvolvimento

Escola Nova é um dos nomes dados a um movimento de renovação do ensino que foi especialmente forte na Europa, na América e no Brasil, na primeira metade do século XX.
Os primeiros grandes inspiradores da Escola Nova foram o escritor Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) e os pedagogosHeinrich Pestalozzi (1746-1827) e Freidrich Fröebel (1782-1852). O grande precursor do movimento na América foi o filósofo e pedagogo John Dewey (1859-1952). O psicólogo Edouard Claparède (1873-1940) e o educador Adolphe Ferrière (1879-1960), entre muitos outros, foram os motivadores na Europa.
No Brasil, as ideias da Escola Nova foram introduzidas já em 1882 por Rui Barbosa (1849-1923). No séculoXX, vários educadores se sobressaíram, especialmente após a divulgação do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova, de 1932, dentre os 26 educadores que assinaram o manifesto podemos fazer referência a Lourenço Filho (1897-1970) e Anísio Teixeira (1900-1971), grandes humanistas e nomes respeitáveis de nossa história educacional.
No contexto global do movimento escolanovista um conceitoessencial aparece especialmente em Dewey. Para ele, as escolas deviam deixar de serem simples lugares de transferência de conhecimentos e tornarem-se pequenas comunidades.
A visão renovada não-diretiva encarrega à escola o papel de formar o senso livre de tomada de atitudes nos educandos. Para isso, esta escola deve estar mais focada nos aspectos psicológicos do que com os aspectos pedagógicos ou sociaisdos educandos.
A ideia de uma boa educação passa pelo intento de proporcionar a pessoa uma atmosfera de autodesenvolvimento e de realização pessoal, no significado de bem estar próprio e do outro, onde o cerne do desenvolvimento escolar não é o docente nem os conteúdos programáticos, mas sim o educando ávido pelo conhecimento, visando desenvolver sua personalidade por meio da vivência deexperiências expressivas.
Na concepção renovada não-diretiva os conteúdos são desnecessários, ressalta-se o desenvolvimento das relações e da comunicação, visando promover meios para que os alunos construam seu próprio conhecimento.

“O único homem que se educa é aquele que aprendeu como aprender: que aprendeu como se adaptar e mudar; que se capacitou de que nenhum conhecimento é seguro, que nenhumprocesso de buscar conhecimento oferece uma base de segurança”. (ROGERS apud COELHO e JOSÉ, 1993 p.9).


Como na concepção renovada não-diretiva a aprendizagem baseia-se na busca da auto-realização e capacidade de transformar suas próprias percepções a forma da avaliação escolar tradicional torna-se desnecessária.
Em suma, nessa tendência, o papel da escola é na formação de atitudes e todo o...
tracking img