Teletrabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 41 (10243 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A Parassubordinção no Teletrabalho
Daniela Rodrigues Lottermann

RESUMO A presente pesquisa tem por objetivo o estudo da parassubordinação no teletrabalho. Busca-se, definir o teletrabalho como uma espécie de prestação de serviço à distância, fruto das transformações nas relações trabalhistas e do avanço tecnológico. Por outro lado, há a crise da subordinação, criando-se a parassubordinaçãocomo o meio termo entre o trabalho autônomo e o subordinado, o que nem sempre é pacífico ou juridicamente seguro. Na parassubordinação os trabalhadores desenvolvem atividades conforme estipulado em contrato, visando colaborar para os fins do empreendimento, porém prestando serviço de forma menos dirigida. A indagação, então, é se no teletrabalho fala-se em parassubordinação. Ao denominar oteletrabalho como um trabalho parassubordinado, perde-se proteção jurídica pela falta de regulamentação do instituto no Brasil, não há uniformidade acerca de quais direitos pertencem ao trabalhador parassubordinado. Entende-se necessária criação de lei específica para dirimir os conflitos com maior precisão e justiça social. Palavras-chave: Teletrabalho1, Parassubordinação2. INTRODUÇÃO O mundo do trabalhopassa por importantes transformações, tanto no perfil dos empregadores como dos trabalhadores. As tecnologias de informação e de comunicação são atualmente um elemento indissociável do desenvolvimento da atividade econômica em todo o mundo, constituindo-se, igualmente, num fator cada vez mais importante na organização e estruturação das sociedades modernas. Nesse sentido, o ambiente organizacionalestá vivenciando um período de mudanças, associado a crise da subordinação jurídica, que caminha para um meio termo entre o trabalho subordinado e o autônomo, a parassubordinação. A parassubordinação surge devido a autonomia que muitos trabalhadores têm em sua empresa, vinculado ao nível intelectual deste, e ao mesmo tempo não deixam de ser subordinados. Verifica-se que frente às novastecnologias de informação e comunicação ocorre surgimento da nova modalidade de trabalho: o teletrabalho, cujos efeitos sociais e organizacionais.começam a aparecer. O intuito principal deste artigo é buscar, fundamentalmente, o estudo do teletrabalho e o fenômeno da parassubordinação e, com isso, averiguar se o teletrabalhador é um trabalhador subordinado, autônomo ou parassubordinado. O trabalho serádesenvolvido por meio de pesquisas em relação ao presente tema. Através de doutrina, legislação existente, artigos publicados, juriprudência, revistas jurídicas e material de “sites” da internet. Primeiramente, haverá a comparação de todos os dados coletados, interpretados, de modo a propiciar uma análise do cenário atual. Por meio de uma abordagem dialética, para assim, buscar solucionar os problemaspropostos. A técnica de pesquisa será bibliográfica, consulta em livros, artigos e demais materiais impressos. O procedimento de pesquisa será de análise documental e tipológica. O método adotado será de procedimento histórico e monográfico, assim será analisado o surgimento do teletrabalho, verificando a sua influência na sociedade. Monográfico para a compreensão dos créditos de carbono, com afinalidade de obter uma idéia comum. 1. RELAÇÃO LABORAL SUBORDINADA As mudanças tecnológicas, a globalização econômica, a geração de novas profissões, a descentralização produtiva, constituem um cenário de transformações que estão associadas ao surgimento de novas figuras contratuais. As novas condições econômicas determinadas pela revolução tecnológica, pelo aumento da competitividade mundial,como decorrência da recessão ou dos altos índices de desemprego, conduz estímulos para uma nova realidade no Direito do Trabalho nacional, acarretando mudanças nas atuais relações de trabalho. Há necessidade de uma revisão nas relações de trabalho, pois o atual conceito difere daquele de uma sociedade industrial. Ao introduzir novas tecnologias, eliminam-se funções profissionais que a máquina passa...
tracking img