Tecido linfoide

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1619 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Federal de Campina Grande
Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Curso de Medicina
Disciplina de Histologia
Monitor: Thales Ferreira

TECIDO LINFÓIDE

GENERALIDADES:
São órgãos constituídos por uma variedade muito celular do tecido conjuntivo, o tecido linfático ou linfóide. Este tecido é formado por uma trama tridimensional de células reticulares, fibras reticulares emacrófagos fixos. Nas malhas deste tecido existem células livres, principalmente linfócitos T e B em diversas fases de maturação, macrófagos livres e plasmócitos.
Há 3 tipos de tecido linfóide:

Tecido linfóide Frouxo - predomínio de células fixas.
Tecido linfóide Denso - predomínio de células livres (linfócitos).
Tecido linfóide Denso Nodular - formam estruturas esféricas.
Tecido linfóideDenso Cordonal – formam estruturas em forma de cordões.

O conjunto dos órgãos linfóides, mais os acúmulos de tecido linfóide em outros órgãos, os linfócitos do sangue e linfa, e os linfócitos e plasmócitos do tecido conjuntivo, constituem o sistema imunitário, cuja função é o reconhecimento e defesa contra macromoléculas que penetram no organismo isoladamente ou como parte da estrutura superficialde um vírus ou microorganismos.
A medula óssea e o timo são considerados órgãos linfoides primários ou centrais, sendo sua função marcar os linfócitos. Os demais órgãos (linfonodo, tonsila, baço e os nódulos linfóides espalhados pelo organismo) são denominados de secundários, tendo como função reagir frente a antígenos.

ÓRGÃOS LINFÓIDES

A) NÓDULOS LINFÓIDES OU FOLÍCULOS LINFÓIDES
Sãoencontrados isolados no tecido conjuntivo frouxo de diversos órgãos (principalmente na lâmina própria do tubo digestivo, vias respiratórias e vias urinárias).
Esses nódulos não apresentam cápsula conjuntiva e podem ocorrer em grupos, formando acúmulos, como as placas de Peyer no íleo. Os nódulos são estruturas temporárias, podendo aparecer e desaparecer de um determinado local. Cada nódulo linfáticoé uma estrutura esférica com 0,2 a 1 mm de diâmetro.
Freqüentemente, o interior do nódulo mostra uma região menos corada, o Centro Germinativo. Este aspecto deve-se ao fato da região central de muitos nódulos ser rica em linfócitos imaturos, que tem núcleos mais claros, e devido a isto, contrastam com os linfócitos menores e de núcleos mais escuros, localizados na periferia do nódulo.
A presençado Centro germinativo indica que o nódulo está em grande atividade no sentido da produção de linfócitos. O centro germinativo pode aparecer e desaparecer num nódulo, conforme o estado funcional deste.
Nos nódulos (tecido linfóide nodular) predominam as células livres, constituídas principalmente por linfoblastos, linfócitos grandes, médios e pequenos, e plasmócitos em diversos estágios dematuração; e células fixas: macrófagos e células reticulares.

B) LINFONODOS OU GÂNGLIOS LINFÁTICOS
São órgãos encapsulados constituídos por tecido linfóide e que aparecem espalhados pelo corpo, sempre no trajeto dos vasos linfáticos.
Os linfonodos são arredondados ou reniformes (um lado convexo e outro côncavo onde está o hilo, pelo qual penetram as artérias nutridoras e saem as veias). A linfa queatravessa os linfonodos penetra pelos vasos linfáticos, que desembocam na borda convexa do órgão (vasos aferentes) e saem pelos linfáticos do hilo (vasos eferentes).
A cápsula de tecido conjuntivo denso que envolve os linfonodos envia trabéculas para o seu interior, dividindo o parênquima em compartimentos incompletos. O parênquima do linfonodo é dividido numa região cortical, que se localizaabaixo da cápsula, ausente no hilo, e numa região medular, que ocupa o centro do órgão e seu hilo.
Além destas regiões, descreve-se também uma zona Paracortical, localizada entre a cortical e a medular. Esta região é mal definida morfologicamente.

ESTRUTURA HISTOLÓGICA
Região Cortical - tecido linfóide frouxo, que forma os seios subcapsulares e peritrabeculares, e por nódulos linfóides...
tracking img