Tcc o esditor de texto como ferramenta de apoio ao revisor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3898 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O EDITOR DE TEXTO COMO FERRAMENTA DE APOIO PARA O TRABALHO DO REVISOR
Fernanda Dias da Silva
Regiane Gonçalves Pereira

Resumo: Este artigo tem o objetivo de discutir o papel da tecnologia no exercício da profissão de Revisão Textual, fazendo breve explanação a respeito desta atividade e ponderando a importância de se utilizar as novas tecnologias para o desempenho dessa atividadeprofissional. Vivemos em uma era em que a informação tornou-se um ativo estratégico necessário para qualquer área de negócio. A tecnologia tem avançado a largos passos, deixando sua marca nas mais diversas áreas da humanidade e também o revisor deve estar atento a essas mudanças, aproveitando as novidades tecnológicas para agilizar e otimizar o seu trabalho, atendendo assim às novas demandas da sociedade.Algumas tecnologias, tais como os Editores de Texto, são abordadas neste artigo, onde discorreu-se a respeito de sua funcionalidade para a tarefa de revisão.

1. INTRODUÇAO

Um texto, sendo uma forma de comunicação humana, deve possuir uma linguagem correta, que transmita sua mensagem de forma eficaz ao leitor, que não tenha problemas de interpretação e não gere dúvidas. Estes são pontosdeterminantes para que o conteúdo que se deseja transmitir através da comunicação textual seja de fato compreendido pelo receptor da mensagem, no caso, o leitor. O Revisor de Textos é o profissional encarregado de revisar o material escrito, com o propósito de correção, clareza e harmonia, agregando valor ao texto, bem como o tornando inteligível ao destinatário.
Como o mundo está em constanteevolução, a cada dia surgem novas tecnologias que podem servir de ferramentas para facilitar o cotidiano de seu trabalho, oferecendo mais dinamismo e também conferindo mais praticidade à execução das revisões. Tais ferramentas podem, portanto, propiciar o surgimento de uma nova forma de trabalhar e cabe aos profissionais estarem atentos ao surgimento de cada uma delas.
Cabe ao revisor aprender autilizar essas novas ferramentas, ter conhecimento delas ao menos, definindo quais podem ser úteis aos seus propósitos, pois nesta era da informação as mudanças tecnológicas acontecem a velocidades incríveis, surgindo muitos novos recursos que o revisor pode utilizar como aliados ao seu trabalho. No que toca à formação, as ferramentas habituais, apesar de terem sido úteis ao seu modo e em seu tempo, jádeixam os profissionais modernos em desvantagem por não terem a agilidades das tecnologias mais recentes. É preciso dominar um número maior de instrumentos e manter-se atualizado, aprendendo a usar as versões mais recentes dos aplicativos e entendendo as novas tecnologias e a forma com a qual elas podem contribuir para o trabalho profissional.
Este artigo pretende, em primeiro lugar, demonstrar aimportância da revisão de textos, esclarecer os conceitos de revisor e copidesque. Em seguida, procurar-se-á apresentar e debater a evolução da tecnologia na revisão textual, e, por fim, demonstrar ferramentas que os revisores podem utilizar em seu dia a dia.

2. CONCEITO E A IMPORTÂNCIA DA REVISÃO TEXTUAL

A revisão textual é indispensável para que um texto possua uma linguagem clara econcisa, e com isso, ganhe credibilidade e transmita a mensagem de forma eficaz ao leitor. Eliminar os erros e vícios da comunicação é a principal função da revisão. Para isso, o revisor se atentará às regras gramaticais da linguagem padrão, assim como para a coerência e coesão textuais, procurando sempre, entretanto, assegurar a ideia e o estilo do autor. O autor MALTA (2000), ressalta aimportância da revisão afirmando que:
É na revisão textual consciente detalhista, competente, que o conteúdo vai ser aprimorado no que diz a respeito à coesão e à coerência, aos erros ortográficos, aos erros conceituais, enfim, aos deslizes praticados pelo autor. Tudo se ressalte, perfeitamente natural. O que não é natural: tanto a autoconfiança excessiva - de autores, donos de gráficas, de...
tracking img