Tcc serviço social

Revista da Graduação
Vol. 4 No. 1 2011 30

Seção: FACULDADE DE SERVIÇO SOCIAL

Título: Desvendando a questão social no contexto da abrigagem Infanto-juvenil: a mística da negligencia e o direito a convivência familiar e comunitária
Autor: Elisa Scherer Benedetto

Este trabalho está publicado na Revista da Graduação. ISSN 1983-1374http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/graduacao/article/view/8823/6187

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE SERVIÇO SOCIAL

ELISA SCHERER BENEDETTO

DESVENDANDO A QUESTÃO SOCIAL NO CONTEXTO DA ABRIGAGEM INFANTO-JUVENIL: a mística da negligencia e o direito a convivência familiar e comunitária

Porto Alegre 2010

ELISA SCHERER BENEDETTO

DESVENDANDO A QUESTÃO SOCIAL NO CONTEXTO DA ABRIGAGEMINFANTO-JUVENIL: a mística da negligencia e o direito a convivência familiar e comunitária

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Faculdade de Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul para obtenção do grau de Bacharel em Serviço Social.

Orientador: Dra Jane Cruz Prates

Porto Alegre 2010

ELISA SCHERER BENEDETTO

DESVENDANDO A QUESTÃO SOCIAL NO CONTEXTO DAABRIGAGEM INFANTO-JUVENIL: a mística da negligencia e o direito a convivência familiar e comunitária

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Faculdade de Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, para obtenção do grau de Bacharel em Serviço Social.

Aprovada em, ____de_______________________de______. BANCA EXAMINADORA: _____________________________________Orientador: Dra Jane Cruz Prates

_____________________________________

_____________________________________

Dedico esse trabalho aos meus pais: Mara e Gilson Benedetto; pessoas responsáveis pela minha existência, caráter, felicidade e os maiores parceiros em minha formação profissional. “Eu não existo longe de vocês”.

AGRADECIMENTOS É indispensável lembrar aqui, que esse trabalho,assim como a conclusão de minha graduação, não são o fruto de uma caminhada individual. Essa conquista, explica-se devido às relações que vivencio ao longo dos anos, como pela existência dos sujeitos que passaram e daqueles que permanecem na minha história. Em primeiro lugar, reforço o agradecimento para minha mãe, Mara Rosani Scherer Benedetto. Tu és, mãe, o motivo pelo qual conheci o ServiçoSocial e por ele me apaixonei. Através do teu comprometimento ético, do teu empenho profissional, da tua batalha cotidiana, motivada e sempre confiante nas potencialidades humanas, que eu pude conhecer essa profissão e descobrir o meu desejo por lutar ao teu lado e junto com a nossa categoria. Teu exemplo me inspira em cada degrau da minha formação profissional e projeto como um dos meus grandesobjetivos: tornar-me uma assistente social tão competente quanto tu és. Além da tua excelência profissional, o teu amor e cuidado me fizeram a mulher que hoje sou e a nossa cumplicidade é um dos motivos da minha alegria cotidiana. Obrigada por ser minha mestra, amiga e eterna protetora; obrigada, simplesmente, por existir na minha vida. Agradeço com a mesma emoção e devoção, ao meu pai querido, GilsonBenedetto. Pai, com todas as nossas desavenças ideológicas, tu és um grande orgulho pra mim como pessoa, trabalhador e homem. Não tenho palavras para agradecer toda a tua dedicação para/comigo; todo o carinho que sinto de tua parte desde que me entendo como ser humano. Tu és o meu melhor amigo, o meu eterno guardião e eu sei que não estaria aqui sem todos os teus cuidados. Obrigada por tudo.Obrigada por ser o melhor pai que eu poderia imaginar! À minha irmã, Thula Benedetto, pois tu também és parte dessa conquista. Muito mais que os laços de sangue que nos unem, cada dia construímos vínculos de amor e companheirismo incondicionais. Com certeza, sem as risadas, conversas, apoio e carinho que tu me proporciona a graduação teria sido mais difícil. Como a irmã mais velha, teus bons...
tracking img