Tcc pedagogia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1345 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO – UNISA

O PAPEL DA EDUCAÇÃO FISICA NO CONTEXTO MULTIDISCIPLINAR PARA UM ALUNO COM SÍNDROME DE DOWNS

GENILSON CORDEIRO DE BARROS
REGISTRO
2012

NOEMI ALVES DA SILVA

O PAPEL DA EDUCAÇÃO FISICA NO CONTEXTO MULTIDISCIPLINAR PARA UM ALUNO COM SÍNDROME DE DOWNS

Artigo Cientifico, apresentado ao curso de Psicopedagogia, do Centro Sul- Brasileiro de PesquisaExtensão e Pós-graduação, como requesito para a obtenção do diploma do diploma de Psicopedagogia. Orientado pelo Professor...

REGISTRO
2012
O PAPEL DA EDUCAÇÃO FÍSICA NO CONTEXTO MULTIDISCIPLINAR PARA UM ALUNO COM SÍNDROME DE DOWN

Aluno: Genilson Cordeiro de Barros

RESUMO: Este artigo tem como objetivo, verificar quais os benefícios que as atividades de Educação Física podem oferecer àscrianças com Sindrome de Down entre 4 e 10 anos de idade no desenvolvimento da coordenação motora e desenvolvimento cognitivo. Considera-se ainda, a importância no processo de inclusão social e a melhora no equilíbrio emocional até prevenção de doenças congênitas, que possam vir a atingir tais crianças. O professor especializado deverá trabalhar de forma a valorizar as reações afetivas de seusalunos e estar sempre atento em seu comportamento global para solicitar recursos e revisão psicológica, se necessário.

PALAVRAS – CHAVE – Síndrome de Down, Coordenação Motora, Educação Física.

INTRODUÇÃO
Este artigo no âmbito da atividade de Educação Física, mostra – nos a necessidade de avaliação dentro da perspectiva do desenvolvimento do ser humano, o trabalho do professor, a carência e aavaliação que se refere à motricidade da criança em idade escolar. Crianças com “Síndrome de Down” e “Necessidades Educativas Especiais”, a falta de instrumentos adequados à essa realidade e a preparação de profissionais em trabalhos pedagógicos com essas crianças.
Devemos considerar a importância da atividade física no contexto multidisciplinar para com o aluno com necessidades especiais e o queos exercícios físicos podem representar com o papel importante no desenvolvimento global do individuo, como físico, mental e emocional.
A atividade física proporciona o desenvolvimento da coordenação corporal e motora em crianças com Sindrome de Down, com idades entre 4 e 10 anos.

1. O QUE É SINDROME DE DOWN

Sindrome de Down, é um distúrbio causando durante a formação do feto, é uma dasanomalias genéticas mais conhecida. Segundo professores e doutores: Aguinaldo Robinson de Souza e Elaine S. de Oliveira Rodini, da Universidade Estadual Paulista (Campus Bauru), a Síndrome de Down é responsável por 15% dos portadores de retardo mental que frequentam instituições para crianças especiais. A Síndrome de Down também é chamada de Trissomia do Cromossomo 21, por causa do excesso dematerial genético do cromossomo 21, que ao invés de apresentar dois cromossomos 21, o portador da síndrome de Down, possui três. Atualmente a probabilidade de uma mulher de vinte anos ter um filho com essa síndrome é de 1 para 1600,enquanto uma mulher de trinta e cinco anos e de 1 para 370. A probabilidade de pais que têm uma criança com Síndrome de Down é um acidente genético, sobre o qual ninguémtem controle. Qualquer mulher pode ter filho com Síndrome de Down, não importa a raça, religião, nacionalidade ou classe social. Por muito tempo a Síndrome de Down, ficou conhecida como mongolismo, pois esse termo era empregado devido aos portadores da síndrome ter pragas no canto dos olhos, que lembram as pessoas da raça mongólica (amarela), porém nos dias atuais esse termo não é mais usado,considerado como pejorativo e preconceituoso.
2. CARDIOPATIAS CONGÊNITAS
Podem estar presente em 50% dos casos. A criança deve passar logo ao nascimento, por um minucioso exame cardiológico a fim de detectar qualquer alteração na estrutura e funcionamento do coração e ser corrgido o mais breve possível. Os mais comuns são um defeito do canal átrio ventricular, a comunicação interventricular ou...
tracking img