Tcc - gestão de pessoas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 33 (8069 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Fabio Pinheiro
Joselaine pinheiro
Luiz Paulo Mattos
Paola Mercadante
Soiane Lessa

a importancia da Cultura no Processo Sucessório em Empresas Familiares

Niterói
2011

Fabio Pinheiro
Joselaine pinheiro
Luiz Paulo Mattos
Paola Mercadante
Soiane Lessa

a importancia da Cultura no Processo Sucessório em Empresas Familiares
Trabalho de Conclusão de MBA em Gestão de Pessoas daFundação Getúlio Vargas, como requisito parcial para obtenção do grau de Especialista.

Orientador: Prof. Daniel Silvestre

niteroi
2011
REFERENCIAL TEÓRICO

A realização do Trabalho de Conclusão de Curso, bem como a pesquisa bibliográfica ajudou-nos a perceber que existe uma parcela significativa de empresas familiares presente entre os grupos empresariais brasileiros. Chamou a atenção o fatode não ter estudos que analisem a Cultura Organizacional e os seus aspectos de continuidade.
Meados da década de 90 centenas de arquivos vêm sendo publicados sobre o tema Cultura Organizacional e Processo Sucessório. Segundo a autora Sônica Jordão em “A Arte de Liderar - Vivenciando mudanças num mundo globalizado”, o Processo Sucessório envolve a família a propriedade e a administração. Suaelaboração adequada permitirá a continuidade da organização, que está ligada à percepção de importantes valores implantados, sua adequação e sábia transgressão pela nova gestão.
O trabalho do gestor requer um aprendizado constante e vertical. Os líderes não estarão preparados para liderar grandes empresas a não ser que cada nova atribuição seja muito mais complexa do que a anterior. Os líderes devemser mantidos constantemente imersos em complexidade. À medida que passam de um nível ao outro, eles aprendem a lidar com a complexidade. .
Esses princípios compõem os fundamentos de uma abordagem ao desenvolvimento de lideranças que se concentram em identificar de pronto os líderes ecolocá-los em situações que o impulsionem a crescer mais rapidamente, afirma Ram Charan em “ O líder criador de líderes – A gestão de talentos para garantir o futuro e a sucessão.” A nova abordagem transforma o desenvolvimento de lideranças de uma atividade descontínua e isolada administrada pelo pessoal de recursos humanos em uma atividade diária totalmente integrada no negócio e na qual oslíderes exercem um papel central.

resumo

O trabalho caracterizou-se como uma pesquisa bibliográfica utilizando um estudo de caso de uma empresa fictícia objeto do jogo de negócio. Este estudo busca apresentar conceitos sobre cultura organizacional, processo sucessório e analogia sobre os dois temas.
Num primeiro momento trataremos da formação da cultura organizacional que acontece dentro de umprocesso histórico, no qual as pessoas, em interação entre si e com o ambiente vão absorvendo valores, princípios, que ditarão regras, comportamentos e ações.
Posterior vem as concepções a cerca do processo sucessório, onde a empresa familiar não consiste num processo natural e linear, nem automático de rei morto, rei posto. Para o pai, trata-se de um processo de morte em vida, em que ve-secompelido a entregar ao filho-sucessor o sentido que conseguiu dar à sua existência e transferir-lhe a materialização do que logrou através do trabalho, enquanto patrimônio.
O filho, na empresa familiar, não é um mero aspirante à presidência, mas um aspirante à sucessão, onde ratifica suas condições de filho, herdeiro e sucessor de alguém muito amado e que possui um forte sistema de valores que lheexige, ao mesmo tempo, preservar e transgredir. Ao iniciar a construção de sua proposta, necessariamente, passará pelo questionamento e a transgressão das normas do pai que, mesmo preservado, resultará num choque de suas propostas, do qual se originará um novo plano estratégico a ser instituído pelo filho-sucessor. Exemplificaremos a interligação da importância da cultura organizacional num...
tracking img