Tcc desenvolvimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2569 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE INTERNACIONAL DE CURITIBA
MARIA DE LOURDES DE CARVALHO RU 515952











A IMPORTÂNCIA DA DIVERSIDADE CULTURAL NA EDUCAÇÃO DE CRIANÇAS, JOVENS E ADULTOS














João Monlevade
2012
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

1- A IMPORTÂNCIA DA DIVERSIDADE CULTURAL NA ESCOLA


Cultura diz respeito a inigualável criatividade humana, à toda forma de pensar, deamar, de se relacionar socialmente, de louvar a Deus ou aos deuses. É ela que nos torna humanos e é através dela que nos vemos como seres dotados de capacidade infinita de, a cada dia, inventar um jeito de estar no mundo.
“Vivemos em um mundo de diversidades, onde a individualidade humana deve ser respeitada, reconhecida e aceita, uma vez que, comprovadamente somos diferentes uns dos outros,o que faz com que todos nós tenhamos capacidades e limitações para aprender. Neste contexto, cabe ao professor reconhecer seu papel de mediador de aprendizagens, para todos os alunos, devendo ser esta mediação desprovida de preconceito, estigma e exclusão”.
Segundo Carvalho (2002, p. 70), “Pensar em respostas educativas da escola é pensar em sua responsabilidade para garantir o processo deaprendizagem para todos os alunos, respeitando-os em suas múltiplas diferenças”.
Os educadores não podem calar diante das omissões, das injustiças e do preconceito com que as pessoas são tratadas socialmente por apresentarem uma identidade que não corresponde aos ideais preconcebidos, aceitos e reproduzidos pela sociedade. É preciso incluir nas práticas educativas atividades multiculturais quedeverão ter como princípio o respeito e a convivência com as diferenças.
É preciso que os profissionais da educação sejam otimistas, que transformem a realidade distante em uma educação para todos, sendo convencidos que nossos alunos têm potencial e muita capacidade, e que ao somarmos as nossas diferenças, virão as mudanças na educação e na sociedade, sendo assim, os preconceitos serãoamenizados, e o nosso país mais humanizado, mais justo, mais igualitário.
Cada vez se torna mais necessário trabalhar a diversidade cultural na escola, cada aluno novo é um motivo para enriquecimento de nossas aulas e construções como profissionais docentes.
É preciso conscientizar as pessoas o quanto é importante o estudo e aprimoramento da diversidade cultural em nosso ambiente,relacionar o social com o cultural, adquirindo e promovendo situações de interação uns com os outros, colocando muitas das vezes a parte diversificada do currículo oculto as diversas culturas que também se escondem por trás da indiferença das pessoas.
O antropólogo e educador Carlos Rodrigues Brandão, ao referir – se às diferenças e ao seu reconhecimento, diz que este é nada mais que aconsciência da alteridade, e define esta como:


[...] a descoberta do sentimento que se arma dos símbolos da cultura para dizer que nem tudo é o que eu sou, nem todos são como eu sou [...]. O diferente é um outro, por isso, atrai e atemoriza. É preciso domar o outro e, depois, domar no espírito do dominador o seu fantasma: traduzi – lo, explicá - lo, ou seja, reduzi – lo, enquantorealidade viva, ao poder da realidade eficaz dos símbolos e valores de quem pode dizer quem são as pessoas e o que valem , umas diante das outras, umas através das outras. Por isso o outro deve ser compreendido.

Em contraste com o pensamento que desqualifica o outro, Boaventura souza Santos comenta que “temos“ o direito de ser iguais sempre que a diferença nos inferioriza; temos o direito a serdiferente, sempre que a igualdade nos descaracteriza. Faz parte do entendimento de tal processo, atentarmos para o fato de que:
[...] a diversidade deve ser reconhecida e compreendida como determinante na formação de identidade. [Portanto] Pensar a diferença na escola é fundamental para realizar um trabalho que reconheça a existência de diversos grupos culturais, com...
tracking img