Tabela

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (829 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo
Introdução
Boa noite, Gente,
Meu é Carlos, Vera e Jonhy nosso grupo escolheu o livro ......
A nossa apresentação tem o objetivo relatar os sucessos e (in) felicidades na carreiraexecutiva, abordando temas que influenciam na vida familiar e social do executivo.

1. Felicidade, sucesso e estresse: a carreira executiva.
1.1 Felicidade
“Não é algo fácil; é muito difícil encontrá-laem nós e impossível noutro lugar.”
(Nicholas de Chamfort, filósofo francês)
Fonte de tensão Tempo
O tempo é uma fonte de tensão, que está diretamente ligada á busca dafelicidade pelo o executivo, já que, para conviver com pessoas interessantes, assistir um jogo de futebol, namorar, ir ao teatro, curtir uma viagem, é necessário algum tempo livre.
-Jornada de trabalho: Otempo influi diretamente na (in) felicidade , segundo pesquisa o executivo brasileiro trabalha 12,13,14 ou mais horas todos os dias, isso sem considerar o tempo gasto com viagens, deslocamento para otrabalho, os eventos de negócios fora do horário de trabalho, e os contatos por celular e por e-mail. Então tirando 6 horas de sono, sobram apenas em média 3 horas para a vida pessoal.
O executivono Brasil trabalha mais horas que os de países desenvolvidos, por exemplo, na Europa o executivo trabalha 35 horas por semana e têm horário flexível.
-Vida pessoal: fica comprometida, pois a sensaçãopor parte dos executivos é de que falta tempo para zerar a agenda, sendo assim, família, lazer, férias e saúde acabam ficando em segundo plano.
-As novas tecnologias: tomam não só o tempo detrabalho, mas também o tempo de não trabalho. Essas novas tecnologias facilitaram o acesso ás informações e pessoas, e poderiam fora do ambiente de trabalho, ou seja, nos momentos no lar e lazer. É comum,executivos saírem de férias (quando tiram férias) e continuarem trabalhando respondendo e-mail e atendendo ligações.
-Em pesquisa realizada com executivos brasileiros 65% não se sentem satisfeitos...
tracking img