Tabela periodica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1222 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
2012
Bruno Dinis Nº7 10º C2
Colégio Bartolomeu Dias
10-12-2012

Breve História da Tabela Periódica

Índice

Introdução--------------------------------------------------------------------3
As Primeiras Tentativas---------------------------------------------------4
As Segundas Tentativas----------------------------------------------------4
A Tabela Periódica segundoMendeleiev-----------------------------5
A Descoberta Do Numero Atómico-------------------------------------5
As Ultimas notificações---------------------------------------------------6
Biografia----------------------------------------------------------------------6
Webgrafia---------------------------------------------------------------------7


Introdução
A tabela periódica dos elementosquímicos é conhecida como uma óptima fonte de informação quando se deseja saber características de algum elemento, como por exemplo, se são metais, quais são mais densos, mais pesados ou reativos. Mas nem sempre foi assim, para organizar a tabela periódica foi necessários anos de estudos e muitos cientistas para isso.

Ilustração 1- O motivo Da T.P. ter a configuração que tem hoje!

A história databela periódica começa em 1817 com as "lei das tríades" de Johann Wolfgang Döbereiner e termina com a disposição sistemática de Dmitri Mendeleiev e Lothar Meyer.
Um pré-requisito necessário para construção da tabela periódica, foi a descoberta individual dos elementos químicos. Embora os elementos, tais como ouro (Au), prata (Ag), estanho (Sn), cobre (Cu), chumbo (Pb) e mercúrio (Hg) fossemconhecidos desde a antiguidade. A primeira descoberta científica de um elemento, ocorreu em 1669, quando o alquimista Henning Brand descobriu o fósforo.
Durante os duzentos anos seguintes, um grande volume de conhecimento relativo às propriedades dos elementos e seus compostos, foram adquiridos pelos químicos. Com o aumento do número de elementos descobertos, os cientistas iniciaram a investigação demodelos para reconhecer as propriedades e desenvolver esquemas de classificação.
A primeira classificação, foi a divisão dos elementos em metais e não-metais. Isso possibilitou a antecipação das propriedades de outros elementos, determinando assim, se seriam ou não metálicos.
AS PRIMEIRAS TENTATIVAS
A lista de elementos químicos, que tinham suas massas atómicas conhecidas, foi preparada por JohnDalton no início do século XIX. Muitas das massas atómicas adoptadas por Dalton, estavam longe dos valores atuais, devido a ocorrência de erros na tabela. Os erros foram corrigidos por outros cientistas, e o desenvolvimento de tabelas dos elementos e suas massas atómicas, centralizaram o estudo sistemático da química.
Os elementos não estavam listados em qualquer arranjo ou modelo periódico, massimplesmente ordenados em ordem crescente de massa atómica, cada um com suas propriedades e seus compostos.
Os químicos, ao estudar essa lista, concluíram que ela não estava muito clara. Os elementos cloro, bromo e iodo, que tinham propriedades químicas semelhantes, tinham suas massas atómicas muito separadas.
Em 1829, Johann W. Döbereiner teve a primeira ideia, com sucesso parcial, de agruparos elementos em três - ou tríades. Essas tríades também estavam separadas pelas massas atómicas, mas com propriedades químicas muito semelhantes.
A massa atómica do elemento central da tríade, era supostamente a média das massas atómicas do primeiro e terceiro membros. Lamentavelmente, muitos dos metais não podiam ser agrupados em tríades. Os elementos cloro, bromo e iodo eram uma tríade, lítio,sódio e potássio formavam outros.

A SEGUNDA TENTATIVA
O segundo modelo foi sugerido em 1864 por John A.R. Newlands (professor de química no City College em Londres). Sugerindo que os elementos poderiam ser arranjados comparativamente a uma escala musical. Como em uma escala musical, existe uma repetição das notas a cada oitava, os elementos químicos teriam uma repetição periódica.
Este...
tracking img