Tabela dos contratualistas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (624 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TABELA CONTRATUALISTAS
| HOBBES | LOCKE | ROUSEEAU |
NACIONALIDADE | Inglaterra | Inglaterra | Suíça |
PERÍODO/CONTEXTO | SéculoContemporâneo da Revolução de 1640, Oliver Cromwell |1632-1704Século XVIIVive na época da Revolução Gloriosa, de 1688. | 1712-1778Século XVIII |
Estado de Natureza | Estado de guerra: Cada um se autogoverna, e caso se sinta ameaçado pode fazer tudo paraeliminar o outro. Não há propriedade (criada pelo Estado). | Os homens vivem um estágio pré-social e pré-político em perfeita igualdade e liberdade. Não é um estado de guerra, mas um estado de paz eharmonia. Mas não esta isento de conflitos.Há propriedade (direito natural do individuo). | Somos seres que nascemos livres e iguais pela condição de razão. Nascemos numa condição animal por instinto, evivemos numa condição básica de natureza, até que seja necessário ao homem criar instrumentos para alterá-la. O homem é piedoso e bom para o outro. |
Estado Civil | Fruto do poder individual dos homensreunidos em assembleia. Supera estado de guerra e assegura a vida e a propriedade. | Fruto do consentimento dos membros da sociedade, que através de um pacto decidem por viver em uma sociedadepolítica. Atenção aos poder executivos e legislativos.Optam por esse estado para garantir à paz, a propriedade, a segurança e o bem estar do povo. | Cria-se quando a desigualdade se instala (estado deguerra). Tira a liberdade natural do homem e seu direito de fazer o que bem querer, mas o fornece liberdade civil e propriedade de tudo que possui. |
Contrato | Acordo civil. Transferência mútua dedireitos. | Mesmo o estado de natureza sendo pacifico, não esta isento de conflitos, e este leva os homens ao fazerem o contrato. Formado por um corpo político único, visa preservação da propriedade e aproteção da comunidade internamente e externamente. | Pela vontade geral, o que é comum nos interesses de todos, escolhe-se um governante que não é soberano, mas representa a soberania popular. O...
tracking img