Técnicas de negociação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1497 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Várias são as circunstâncias em que nos vemos na necessidade de alguma coisa. Geralmente, basta uma oferta (se for comercial) ou pedido (se for pessoal) para iniciar o processo de obtenção daquilo que desejamos. Porém, em ocasiões específicas, a necessidade de um coexiste com a do outro, ensejando satisfação recíproca simples. Quando tal interesse envolve objetos e interesses divergentes, em queambos não estão dispostos a ceder inicialmente, é necessário dar início ao processo de negociação.
Diferente da persuasão na qual o esforço é unilateral, a negociação carece de interesses recíprocos para acontecer.
Não apenas de barganha e economia se faz o processo de negociação. Na verdade, a resolução de conflitos e direcionamento de questões visa aumentar a profundidade do conhecimento queas partes possuem de si mesmas e entre elas, aprimorando o grau de confiança e potencial cooperativo.
Você já teve a sensação de que poderia ter chegado sozinho a uma conclusão se tivesse refletido sobre ela antes? Em uma discussão, cada parte entende e defende seu interesse, mas nem sempre se atém à forma como irá apresentá-lo. O preparo, concentração e dedicação ao processo geram uma certafamiliaridade, e por conseguinte uma maior segurança e naturalidade com o seu desenrolar.
Muitos indivíduos se voltam apenas sobre o conteúdo e se esquecem da forma, do próprio processo de negociar.
A maior parte das pessoas não possui uma percepção clara e crítica de si mesma. Compreender o verdadeiro potencial, virtudes, fraquezas e perfil. Não adianta tentar forçar adoção de qualquer técnica quenão lhe soe razoável ou lhe deixe à vontade. Obrigar alguém a fazer aquilo que não gosta é uma ótima forma de ter um trabalho mal feito e uma pessoa insatisfeita.
As pessoas que se destacam são aquelas que sabem tirar proveito de seus dons e os exploram da melhor forma!
Pense no primeiro enunciado de Newton, a Lei da Inércia, no qual um corpo permanecerá em seu estado a menos que sobre ele atueuma força. Apenas quando analisamos nosso estado atual e concluímos precisar, desejar ou obter verdadeiro benefício com um determinado curso de ação é que faremos algo a respeito. Este processo pode ser consciente, inconsciente ou provocado por um fator externo (como no caso de alguém nos convencer sobre as vantagens de um produto ou serviço).

"Só daremos a devida atenção a um problema quandoacreditarmos em duas coisas: a outra parte possui algo desejável e nossos próprios objetivos só serão atendidos se oferecermos algo em troca. A disposição para negociar é, portanto, uma confissão de necessidade mútua" (Deborah Kolb e Judith Willians).
A vontade e a necessidade das partes pode variar, bem como a predisposição de sequer iniciar o diálogo. O pressuposto básico de uma negociação é queambos devam ter algo que o outro queira, ainda que seja exclusivamente dinheiro. Uma vez que ambos percebam desejar algo que o outro possua o processo fica mais tranquilo e promissor, ainda que muitos outros fatores interfiram.

"As pessoas negociam para obter um resultado melhor do que se não negociassem." (Willian Ury/Roger Fisher)

O mercado geralmente oferece um parâmetro financeiro queatribui a um produto ou serviço um certo valor. Porém, vários fatores atuam no sentido de agregar valor a esta mercadoria, tornando-a única, rara ou simplesmente desejada. Um mesmo objeto pode ter um valor para alguém e outro maior para quem dele precise mais. A questão está em como este objeto é apresentado e a quem é dirigido. É a percepção que se tem dele que o torna mais ou menos valioso numaeventual troca ou venda.
Partindo desta noção, o que se entende por um bom negócio? A resposta para esta questão irá depender única e exclusivamente da visão de quem dela participa. O que se pretende essencialmente é obter algo que se quer muito e entregar algo que deseje menos em troca (ou simplesmente pagar menos do que acredita que o objeto seja avaliado).
Isso faz com que uma negociação...
tracking img