Suinocultura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5781 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Suinocultura




RESUMO



O presente artigo tem por objetivo apresentar de uma maneira mais especifica a origem da suinocultura, uma atividade de grande importância para economia brasileira, que apresenta um grande crescimento nesse setor, gerando um grande numero de empregos. Esse setor também apresenta ameaças,oportunidades e vários outros aspectos que será abordado no decorrer do trabalho.

Palavras–chave: suinocultura, origem, produção, cadeia produtiva.


Apresentação

A suinocultura brasileira, a exemplo de outras cadeias produtivas do agronegócio, cresceu significativamente, nos últimos quatorze anos.
A suinocultura é uma atividade importante do ponto de vista econômico e social, umavez que promove a fixação do homem no campo, gerando empregos diretos e indiretos em toda cadeia produtiva.
Esse crescimento é notado quando se analisa os vários indicadores econômicos e sociais, como volume de exportações, participação no mercado mundial, número de empregos, entre outros.
A criação de porcos do passado evoluiu também na técnica e no modelo de coordenação dasatividades entre fornecedores de insumos, produtores rurais, agroindústrias, atacado, varejo e consumidores. Passou a ser uma cadeia de produção de suínos, explorando a atividade de forma econômica e competitiva.
Também é muito importante a nutrição animal, procura-se o máximo de eficáci a trazendo ao produtor  o que ele busca, evidentemente o lucro. Para isso é necessário uma alimentação adequada euma ótima absorção dos nutrientes para que o animal cresça e produza em  perfeitas condições.

Desenvolvimento


Depois de trazido ao Brasil pelos colonizadores portugueses, no século 16, o porco brilhou em festas populares, onde era servido inteiro. Até a década de 50, a extração da banha era o principal uso que se fazia desse animal. Ela tinha duas finalidades: era usada como basepara cozinhar e, na ausência de geladeira, conservava carnes, imersas na gordura. Com a expansão da eletricidade e o surgimento dos óleos vegetais, a banha deixou de ser proveitosa e abriu alas para a carne. As porcentagens de gordura e colesterol da carne suína diminuíram, o que a torna comparável à bovina e ao frango. Quanto à gordura, pouco se fala sobre a seguinte característica da banha doporco: por ser disposta em uma camada, é mais fácil de ser separada da carne. O mesmo não se repete no boi, que tem a gordura entremeada, não interessa a origem animal e sim a quantidade de gordura saturada da carne. Cortes de porco hoje têm menos dessa gordura que bovinos. Quanto ao medo de doenças que podem ser transmitidas por porco, como teníase e cisticercose, a resposta dos especialistas éunânime: com os criadouros atuais, a chance de o suíno se tornar hospedeiro de verme e contaminar alguém é quase nula.
[pic]

Origem

Os suínos apareceram na Terra há cerca de 40 milhões de anos e há 10 mil anos foram domesticados nas aldeias do leste da Turquia. Assim que domesticou o suíno, o homem teve que se preocupar com sua nutrição, que primeiramente foi a base de alimentos naturaiscomo raízes, folhas, grãos e outros animais. Com o processo de seleção natural – diferenciação necessária para se adaptar às diversos ambientes, climas, alimentos disponíveis e práticas de manejo utilizado - aliado ao melhoramento genético, temos hoje como resultado os suínos modernos.
Nesse contexto, a nutrição é vista como um conjunto de processos que inclui a ingestão de alimento, sua digestãoe assimilação pelas células dos diferentes tecidos, órgãos ou sistemas, e eliminação dos metabólicos ou resíduos resultantes. Ela deve ser bem equilibrada e isso só é possível por meio de uma alimentação correta e bem balanceada.
Para os animais que são explorados comercialmente é necessário a existência de instalações adequadas e manejo racional da alimentação, que deve ser verificada...
tracking img