Stakeholder

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4450 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
st

1 South American Congress on Social and Environmental Accounting Research – CSEAR 2009
Universidade Federal do Rio de Janeiro – 27 e 28/07/2009 – Rio de Janeiro – RJ – Brasil

DE STAKEHOLDER
CAPITALISTAS’

A

SHAREHOLDER:

A

TRANSIÇÃO

DOS

‘NOVOS

Autores:
Yara C. Cintra (Universidade de São Paulo/FEA-USP)
Eliseu Martins (Universidade de São Paulo/FEA-USP)
RESUMO:
O interesse por questõessociais e ambientais vem aumentando de forma expressiva nos anos
recentes. A atenção recai de forma definitiva sobre o Desenvolvimento Sustentável e na
Responsabilidade Social, como meio de alcançá-lo. Estes temas envolveram definitivamente
as empresas, expondo as empresas a novos desafios e questionando o papel das mesmas na
sociedade. O interesse no desempenho empresarial já não é exercidoapenas pelos acionistas,
mas por um grupo bem mais amplo de stakeholders ou partes interessadas (ABNT, 2004). Do
ponto de vista teórico, o tema ‘Responsabilidade Social Corporativa’ (CSR) vem sendo
discutido sob diversas teorias, dentre elas: a Teoria dos Acionistas (Friedman, 1970; Friedman
& Friedman, 1977) e a Teoria dos Stakeholders (Freeman, 1984). Shareholders e
stakeholders, por sua vez, sãoconsiderados antagonistas, no que diz respeito aos seus
interesses em relação às supostas responsabilidades da firma, especialmente sociais e
ambientais, e na alocação de seus recursos. Este estudo é um ensaio teórico, com o objetivo de
proceder a uma análise crítica dos conceitos apresentados pelos autores de ‘Novos
Capitalistas’ (Davis, Lukomnik & Pitt-Watson, 2008), buscando identificar umaproposta
conceitual de uma teoria unificadora, que se baseia na figura do novo capitalista, investidorcidadão, em transição para um modelo, cujos interesses se confundem com aqueles dos
stakeholders. Há uma tendência atual de pulverização do capital atuante nas Bolsas de
Valores de todo o mundo e esta é a principal via de atuação dos ‘novos capitalistas’, ou seja,
através de investidoresinstitucionais, nos mercados de capitais de todo o mundo. No Brasil,
dados estatísticos da BOVESPA, do período de 2004 a 2008, comprovaram a tendência,
mostrando um elevado volume de participação dos investidores institucionais ou
pulverizados. Da análise crítica efetuada, se depreende que a proposição contida na obra
analisada fornece argumentos conceituais para a formulação de uma nova teoria.Palavras-chave: responsabilidade social corporativa, novos capitalistas, teoria dos
stakeholders.

1

INTRODUÇÃO

O interesse por questões sociais e ambientais vem aumentando de forma expressiva nos anos
recentes. Problemas mundiais como a poluição e degradação ambiental, exaustão de recursos
naturais do planeta, aquecimento global, condições injustas de trabalho e práticas não éticas
nos negócios, sãoalguns dos exemplos de assuntos presentes em nossa vida diária.

Estes problemas, especialmente os relativos ao meio ambiente, chamaram atenção definitiva
para o Desenvolvimento Sustentável e a Responsabilidade Social, como meio de alcançá-lo.
Estes temas, por sua vez, envolveram definitivamente as empresas, expondo as empresas a
novos desafios.

Surgem novas expectativas a respeito do papel dasempresas na sociedade. E além daqueles,
cujo interesse no desempenho das empresas já é clássico – os acionistas – as companhias
estão sendo impelidas a considerar um grupo bem mais amplo de stakeholders ou partes
interessadas (ABNT, 2004). E estes agora demandam que as companhias com as quais eles
fazem negócios, atendam a padrões mais elevados, incluindo boa cidadania corporativa
(Idowu &Papasolomou, 2007).

Do ponto de vista teórico, o tema ‘Responsabilidade Social Corporativa’ (CSR) vem sendo
discutido sob diversas teorias, dentre elas: a teoria dos acionistas (Friedman, 1970; Friedman
& Friedman, 1977) e a teoria dos stakeholders (Freeman, 1984). Shareholders e stakeholders,
por sua vez, são considerados antagonistas, no que diz respeito aos seus interesses em relação
às supostas...
tracking img