Sorologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7114 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sorologia é o estudo científico do soro sanguíneo.

Na prática, o termo se refere ao diagnóstico e identificação de anticorpos e ou antígenos no soro.


SOROLOGIA PARA HEPATITES

Marcadores das Hepatites Virais

Embora dados clínicos possam sugerir diferenças, as hepatites virais raramente são distinguíveis. Ensaios sorológicos sensíveis e específicos permitem ao clínico identificar odeterminante antigênico envolvido, distinguir a fase aguda da crônica, avaliar infectividade, prognóstico e ter acesso ao estado imune do paciente.

1- HEPATITE A:

Em geral é uma doença autolimitada, de início agudo, com evolução benigna. O período de incubação é de 15 a 45 dias. A transmissão é predominantemente fecal-oral e de alta contagiosidade. Clinicamente apresenta-se com mialgia,cefaléia, febre e mal-es tar. Apenas 10% dos pacientes apresentam icterícia. A disseminação do vírus da hepatite A (HAV) é grande, acreditando-se que a maior parte da população seja imunizada naturalmente, através de infecções subclínicas. Cerca de 70% da população apresenta anti corpos anti-HAV. Não leva à hepatite crônica ou a estado de portador, e em apenas 0,1% dos casos é da forma fulminante.Sorologia:
-Anti HAV IgM: anticorpo produzido contra proteínas do capsídeo viral. Surge com os sintomas iniciais, aumenta por 4 a 6 semanas e então declina gradualmente até níveis indetectáveis em 3 a 6 meses. O achado de anti-HAV IgM positivo é ind icativo de infecção aguda.
-Anti HAV IgG: anticorpos IgG específicos são detectáveis no soro na fase aguda ou convalescente precoce da infecção epermanecem por toda a vida. Promove imunidade protetora contra a hepatite A. 

2- HEPATITE B:

Usualmente tem início mais insidioso e curso clínico mais prolongado. Apresenta período de incubação de 40 a 180 dias. Sua transmissão é predominantemente parenteral (transfusões e agulhas contaminadas), mas também pode ocorrer por contato sexual e, e m menor proporção, através de exposição a saliva eoutras excreções potencialmente contaminadas. Em 50% dos casos de hepatite B não há história de exposição parenteral. Entre 1 e 10% das infecções pelo vírus da hepatite B (HBV) evoluem para a forma crônic a: portador assintomático, hepatite crônica ativa ou persistente, cirrose hepática e carcinoma hepático. Hepatite fulminante ocorre em 1% dos pacientes. Os determinantes da evolução da infecção eseveridade da doença estão relacionados principalmente a fa tores do hospedeiro tais como: idade, sexo, raça, genética, imunocompetência e estado nutricional. Porém fatores virais como cepa do vírus, via de contaminação e magnitude do inóculo também são importantes.
Sorologia:
-HBsAg: também conhecido como Antígeno Austrália, é um determinante antigênico encontrado na superfície do HBV, empartículas menores não infectantes e em formas tubulares produzidas por este vírus. Aparece na corrente sanguínea de 2 a 6 s emanas antes do início dos sintomas ou alteração das transaminases, mantendo-se detectável por até 20 semanas. O HBsAg está presente tanto na fase aguda como na crônica. Pacientes que o mantém positivo por mais de 6 meses provavelmente permanecerão como p ortadores ou desenvolverãohepatite crônica. Reações falso-positivas podem ocorrer neste tipo de ensaio, principalmente em pacientes heparinizados ou com desordens da coagulação. Reações falso-negativas podem ocorrer quando o HBsAg encontra-se em níveis inferiores à sensibilidade de detecção dos métodos utilizados.
-Anti-HBc: refere-se a anticorpos produzidos contra antígenos do nucleocapsídeo (core) do HBV. Existem doistipos:

a) Anti-HBc IgM: eleva-se concomitantemente às transaminases e declina gradualmente em 6 a 8 meses, sem correlação com cura ou cronificação da doença. Cerca de 5% dos pacientes podem manter títulos baixos deste anticorpo por até 2 anos. A ssim, a presença de anti-HBc IgM significa infecção aguda ou recente. Eventos que podem ocasionalmente levar a uma reação IgM positiva na doença...
tracking img