Solo-cimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1016 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
     

Estabilização. Base solo-cimento. Misturas. Vida útil. Teor de cimento. Umidade ótima.

A estabilização de um solo consiste em dotá-lo de condições de resistir ás ações climática e aos esforços e desgaste induzidos pelo tráfego, sob as condições mais adversas consideradas no projeto. Dentre as inúmeras possibilidades teóricas, de estabilização de solos em estradas, aestabilização mecânica e a química são as mais utilizadas nas prática. Na estabilização mecânica, as melhorias introduzidas no comportamento do solo originam-se de mudanças no seu sistema trifásico, isto é, nas fases sólidas, liquidas e gasosas. No que tange as técnicas comumente aplicadas na construção de estradas, a estabilização mecânica, em geral, restringe-se a 2 métodos para a alteração daspropriedades dos solos: rearranjo de partículas, e adição ou retirada de partículas ( correção granulométrica ). A estabilização química de um solo refere-se as alterações produzidas na sua estrutura pela introdução de uma certa quantidade de aditivo, suficiente para melhorar as propriedades físicas e mecânicas do solo, possibilitando o seu emprego para fins de projeto. Na literatura, há uma série deaditivos químicos utilizados como estabilizantes de solos, podendo ser desde produtos industrializados, até subprodutos ou resíduos industriais.

Todo solo pode ser estabilizado com cimento, porém os solos arenosos (granulares).São mais eficientes que os argilosos por exigirem baixos teores de cimento.  Porcentagem passando na peneira n° 200, máxima ................50%.  Limite de liquidez,máximo .........................................................40%.  Índice de plasticidade, máximo ..................................................18%. Existem 7 classes solo subdivididos em 11 grupos, os mais utilizados para estabilização com cimento são: 1. A-1-a 2. A-1-b 3. A-3 4. A-2 5. A-4 Efeitos nas propriedades: Aglomeração dos grãos finos  Redução da plasticidade do solo  Reduzir avariação volumétrica  Aumenta a resistência à compressão e o CBR  Reduz densidade e teor ótimo  Facilita a ação do betume, cimento ou cinzas CIMENTO (Aditivo Intermediário) - Plasticidade: Provoca alterações das propriedades com menor intensidade que a cal. - Resistência: grandes ganhos. - Mudança de Volume: Provoca retração (mais ameno que a cal).



A tabela a seguir sugere teor decimento em massa.

Construção da base de solo-cimento, de acordo com os dados abaixo: = extensão = 30 km = espessura = 15 cm 2 = largura = 8 m = teor de cimento em volume = 10% = densidade do cimento = 1,42 gr / cm³ = umidade ótima do solo-cimento = 11% = umidade do solo natural = 4% = perda por evaporação = 2% á = densidade máxima do solo-cimento = 2,0 gr / cm³ = capacidade doscaminhões transportadores = 6 m³ = capacidade das irrigadeiras = 8000 litros = densidade do solo solto = 1,50 gr / cm³ Solução a) importação do solo: O volume total da base compacta ( ) será: = 2l . ec . L O volume, somente de solo compactado, será: = - = volume de cimento = C/100 . = 10/100 .

Então: = – 0,10 . = 0,90 . = 8 x 0,15 x 30.000 = 36.000 m³

= 0,90 x36.000 = 32.400 m³
Chamando o volume de solo solto que corresponde a (volume de solo compactado), tem-se: = á . . = 2,00/1,50 x 32.400 = 43,092 m³


A espessura do solo solto para obter 15 cm compactado, após a adição do cimento, será: = á . . ′ = 2,00/1,50 x 0,9 x 15


′ = 0,9 . = 18 cm
O número de viagens (Nv ) necessárias à importação do solo, utilizando caminhões de = 6 m³de capacidade, será: V = qs = 43.092 / 6 = 7.182 viagens O espaçamento é marcado ao longo da pista devendo as descargas geralmente serem feitas em zig-zag.

Após as descargas providencia-se a distribuição do material, com motoniveladora. Sendo o cimento um “filler”, poderá ocupar os vazios do solo, razão porque, havendo insuficiência de espessura nas primeiras jornadas de execução, pode-se...
tracking img