Solda brasagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3102 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CURSO: ENGENHARIA DE PRODUÇAÕ
DISCIPLINA: TÉCNOLOGIA MECÂNICA II
MINISTRANTE: PROF. DRA. KARIN S. BORSATO
ALUNO: WAGNER BELMONT




PROCESSOS DE SOLDAGEM - BRASAGEM









CURITIBA , NOVEMBRO DE 2011
TECNOLOGIA MECÂNICA II
TRABALHO N2 – EXPLANAÇÃO SOLDABRASAGEM








TRABALHO À SER AVALIADO PELO SRA. PROFESSORA
DRA. KARIN BORSATO, RELACIONADO ÀSEGUNDA
NOTA PARCIAL DA DISCIPLINA DE TECNOLOGIA
MECÂNICA II MINISTRADA NO SEGUNDO
SEMESTRE DE 2012.
















CURITIBA
2012

CONCEITOS FUNDAMENTAIS

Os processos de brasagem podem ser divididos em três tipos: brasagem propriamente dita, soldabrasagem e soldagem branda.
Os processos de brasagem distinguem-se dos outros processos de
soldagem por exigir apenasa fusão do metal de adição. Não ocorrendo fusão do metal de base, nem o elevado aquecimento da zona adjacente à região de solda, o material irá manter sua natureza estrutural e, conseqüentemente, suas propriedades mecânicas originais.
Como apenas o metal de adição é fundido, ele deve ter temperatura de fusão mais baixa do que a do metal de base. A partir deste conceito, pode-se melhordefinir a brasagem, a soldabrasagem e a soldagem branda:


• Brasagem (ou soldagem forte, “brazing”) é o processo de soldagem onde o metal de adição tem sua temperatura (ou faixa) de fusão compreendida entre as temperaturas abaixo do ponto de fusão do metal de base e acima de, aproximadamente, 450°C.
• Soldabrasagem (“braze welding”) distingue-se do processo anterior pelotipo deconformação das extremidades do metal de base a serem unidas, e da forma de montagem, devido ao fato de que não necessita da ação da capilaridade.
• Soldagem branda (ou soldagem fraca, “soldering”) é o processo de soldagem onde o metal de adição tem temperatura (ou faixa) de fusão compreendida entre as temperaturas abaixo do ponto de fusão do metal de base e também abaixo de, aproximadamente, 450°C.O fato de os metais de adição serem constituídos de ligas metálicas de baixo ponto de fusão, em geral à base de estanho e chumbo, a cor da solda se apresenta esbranquiçada.
A preparação da junta para os processos de brasagem e de soldagem branda é realizada de forma a permitir a penetração do metal de adição por capilaridade entre as paredes das partes a serem unidas, sem modificaçãoda forma dessas peças pela retirada de material por usinagem. Contudo, quando a preparação da junta ocorre de forma semelhante à exigida para os processos de soldagem por fusão, o processo denomina-se soldabrasagem. A Figura 1 mostra uma comparação entre juntas de topo brasadas, soldabrasadas e soldadas por fusão.

[pic]
Figura 1

[pic]
Figura 2 – Juntas dobradas para soldagem brandaComo não ocorre a fusão do metal de base, podem surgir dúvidas quanto à qualidade da aderência da solda nas faces de contato com as partes a serem unidas; na realidade, a aderência é obtida pela difusão atômica entre o meta l de adição no estado líquido e o metal de base no estado sólido (Figura 2).







EQUIPAMENTO

A Soldabrasagem convencional é feita utilizando-se uma tocha degás oxicombustível e o equipamento associado como mostrado nas Figuras abaixo.
Em algumas aplicações, pode ser necessária uma tocha de oxi-combustível para pré-aquecimento. Aplicações especiais utilizam equipamentos de arco carbono, arco com gás e eletrodo de tungstênio ou arco plasma.


[pic]
[pic]
Esquema básico de um equipamento

[pic]
Esquema detalhado do maçaricoEquipamentos de fixação e travamento podem ser necessários para segurar as partes no lugar e alinhar a junta.

Tipos de Chama
Dependendo do tipo de material de adição e do tipo de metal de base a ser soldabrasado, deve-se utilizar um tipo de chama específico. A chama é o resultado da combustão do oxigênio e acetileno no maçarico. Ela pode variar dependendo da proporção dos gases na...
tracking img