Sociologia o sorgimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4718 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CAPÍTULO PRIMEIRO:
O SURGIMENTO



Podemos entender a sociologia como uma das manifestações do
pensamento moderno. A evolução do pensamento científico, que vinha se
constituindo desde Copérnico, passa a cobrir, com a sociologia, uma nova área
do conhecimento ainda não incorporada ao saber científico, ou seja, o mundo
social. Surge posteriormente à constituição das ciências naturais e dediversas
ciências sociais.
A sua formação constitui um acontecimento complexo para o qual
concorrem uma constelação de circunstâncias, históricas e intelectuais, e
determinadas intenções práticas. O seu surgimento ocorre num contexto
histórico específico, que coincide com os derradeiros momentos da
desagregação da sociedade feudal e da consolidação da civilização capitalista.
A sua criaçãonão é obra de um único filósofo ou cientista, mas representa o
resultado da elaboração de um conjunto de pensadores que se empenharam em
compreender as novas situações de existência que estavam em curso.
O século XVIII constitui um marco importante para a história do
pensamento ocidental e para o surgimento da sociologia. As transformações
econômicas, políticas e culturais que se aceleram apartir dessa época
colocarão problemas inéditos para os homens que experimentavam as
mudanças que ocorriam no ocidente europeu. A dupla revolução que este
século testemunha - a industrial e a francesa - constituía os dois lados de um
mesmo processo, qual seja, a instalação definitiva da sociedade capitalista. A
palavra sociologia apareceria somente um século depois, por volta de 1830, mas
sãoos acontecimentos desencadeados pela dupla revolução que a precipitam e
a tornam possível.
Não constitui objetivo desta parte do trabalho proceder a uma análise
destas duas revoluções, mas apenas estabelecer algumas relações que elas
possuem com a formação da sociologia. A revolução industrial significou algo
mais do que a introdução da máquina a vapor e dos sucessivos
aperfeiçoamentos dosmétodos produtivos. Ela representou o triunfo da indústria
capitalista, capitaneada pelo empresário capitalista que foi pouco a pouco
concentrando as máquinas, as terras e as ferramentas sob o seu controle,
6
convertendo grandes massas humanas em simples trabalhadores
despossuídos.
Cada avanço com relação à consolidação da sociedade capitalista
representava a desintegração, o solapamento decostumes e instituições até
então existentes e a introdução de novas formas de organizar a vida social. A
utilização da máquina na produção não apenas destruiu o artesão
independente, que possuía um pequeno pedaço de terra, cultivado nos seus
momentos livres. Este foi também submetido á uma severa disciplina, a novas
formas de conduta e de relações de trabalho, completamente diferentes dasvividas anteriormente por ele.
Num período de oitenta anos, ou seja, entre 1780 e 1860, a Inglaterra havia
mudado de forma marcante a sua fisionomia. País com pequenas cidades, com
uma população rural dispersa, passou a comportar enormes cidades, nas quais
se concentravam suas nascentes indústrias, que espalharam produtos para o
mundo inteiro. Tais modificações não poderiam deixar de produzirnovas
realidades para os homens dessa época. A formação de uma sociedade que se
industrializava e urbanizava em ritmo crescente implicava a reordenação da
sociedade rural, a destruição da servidão, o desmantelamento da família
patricial etc. A transformação da atividade artesanal em manufatureira e, por
último, em atividade fabril, desencadeou uma maciça emigração do campo para
a cidade,assim como engajou mulheres e crianças em jornadas de trabalho de
pelo menos doze horas, sem férias e feriados, ganhando um salário de
subsistência. Em alguns setores da indústria inglesa, mais da metade dos
trabalhadores era constituída por mulheres e crianças, que ganhavam salários
inferiores dos homens.
A desaparição dos pequenos proprietários rurais, dos artesãos
independentes, a...
tracking img