Sociologia e o estudo da sociedade humana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1300 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A SOCIOLOGIA E O ESTUDO DA SOCIEDADE HUMANA: SUAS ORIGENS E OBJETO DE ESTUDO
Profª Drª Silma do Carmo Nunes
Os Aspectos Históricos Que antecederam e Contribuíram Para o Surgimento da Sociologia
A sociologia, nova vertente do conhecimento humano, surgiu a partir da Revolução Industrial, e nesse sentido é chamada de “ciência da crise” – crise que essa revolução gerou em toda a sociedade européiatendo como fundamentos as relações de trabalho que foram se construindo com as relações socioeconômicas determinadas pelo capitalismo. Ela é fruto de toda uma forma de conhecer e pensar a natureza e a sociedade e que se desenvolveu a partir do século XV, quando ocorreram transformações significativas como a expansão marítima, reformas protestantes, a formação dos Estados nacionais, as grandesnavegações e o comércio ultramarinho, bem como o desenvolvimento científico e tecnológico que desagregaram a sociedade feudal, dando origem à sociedade capitalista.
No séc. XVI, o movimento histórico da Reforma Protestante também contribuiu significativamente para a valorização do conhecimento racional. Com essa nova maneira de se relacionar com o conhecimento, questionando o sagrado, surgiu omovimento que analisará o universo, a razão e o conhecimento de outra forma, tendo como eixo a racionalidade humana. A razão passou a ser soberana e foi colocada como elemento essencial para se conhecer o mundo.
Essa nova forma de conhecimento da natureza e da sociedade, na qual a experimentação e a observação são fundamentais, foi construída por meio do pensamento e das teorias de diversospensadores, entre os quais, destacam-se: Thomas Hobbes, Francis Bacon, René Descartes. Outros pensadores da modernidade fizeram a ponte entre os novos conhecimentos e os que se desenvolverão no século XVII: John Locke e Isaac Newton.
No século XVIII, a burguesia comercial tornou-se uma classe com muito poder em decorrência do crescimento do capital mercantil que se expandiu por diversos ramos de atividadeseconômicas. Ao se desenvolver a manufatura, torna-se necessário o desenvolvimento de novas técnicas de produção. Surgem máquinas de tecer, descaroçar algodão, bem como a aplicação industrial da máquina a vapor. Aparece aí o fenômeno chamado de maquinofatura. O trabalho, antes realizado com as mãos ou com ferramentas, passou a ser feito por meio de máquinas elevando o volume de produção.
Amáquina a vapor incentivou o surgimento da indústria construtora de máquinas. Essas alterações no processo produtivo, somadas a herança cultural e intelectual do século XVII irão definir o séc.XVIII como um século explosivo, servindo de exemplo e parâmetro para as revoluções políticas posteriores. Pensadores como Montesquieu, David Hume, Jean-Jacque Rousseau, Adam Smith e Emmanuel Kant entre outros,procuraram refletir sobre a realidade, na tentativa de explicá-la.

No séc.XIX, a consolidação do sistema capitalista na Europa contribuiu para o surgimento da Sociologia como ciência particular. O pensamento de Saint-Simon, G. W. E. Hengel, David Ricardo, Auguste Comte e Karl Marx desenvolveram reflexões sobre a sociedade de maneiras radicalmente divergentes. Assim, a Sociologia também seconstrói, enquanto conhecimento científico, matizada por diferentes correntes interpretativas da sociedade, o que estudaremos, posteriormente.


Então, enquanto disciplina do conhecimento, as origens da Sociologia podem ser encontradas no séc. XVIII, tendo surgido como uma forma de resposta ao um dos desafios da modernidade: se o mundo ficou cada vez mais integrado, a experiência e a percepção daspessoas sobre ele também foram se tornando atomizadas e dispersas. Nesse sentido, os acadêmicos procuravam não apenas perceberem o que unia e mantinham unidos os grupos sociais, mas também desenvolverem uma forma de evitar a desintegração social.


Contudo, é no séc. XIX que a sociologia se assume como verdadeira ciência. Primeiro com Auguste Comte que procura unificar as diversas ciências...
tracking img