Sociologia rural

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5015 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS – FFCH PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS

Conhecimentos e Técnicas a Serviço da Sociedade? Uma análise do papel de intervenção da Academia na Política de Fomento à Maricultura Familiar em comunidades tradicionais de pesca e mariscagem

Discente: Íris Gomes dos Santos

Salvador 2010

INTRODUÇÃO

Oprocesso de redemocratização vivido no Brasil a partir do final da década de 1970, que tem como marco a Constituição Federal de 1988, possibilitou modificações em estruturas institucionais da sociedade brasileira. Entre as mudanças, está a valorização das relações entre setores públicos e privados da sociedade e as instâncias locais para o planejamento, implantação e avaliação de políticas públicas dedesenvolvimento sócio-territorial. No campo da educação superior, também ocorrem mudanças. Há ampliação do número de cursos de graduação e pós-graduação e do contingente de instituições de ensino, especialmente no setor privado. Isso redefine não somente questões orçamentárias, mas, sobretudo, aspectos metodológicos e políticopedagógicos das instituições educacionais, refletindo sobre suas relaçõescom a sociedade. A universidade tem buscado aproximar-se de distintos setores da sociedade de várias maneiras: expandindo o acesso ao ensino – seu papel mais tradicional – pela ampliação do número de vagas, tanto no setor público quanto privado; realizando pesquisas em parceria com governos, empresas, organismos multilaterais ou organizações comunitárias e; ainda, por meio da extensãouniversitária, em atividades como proposição, execução e intermediação de iniciativas de desenvolvimento. A preocupação com a utilidade social das ciências é um fenômeno cada vez mais marcante na agenda política e educacional da Academia. Embora não seja recente o envolvimento de universidades públicas com a formulação, execução e avaliação de ações de intervenção social, seja na condição de agenteresponsável e propositor, seja na condição de agente colaborador, a inclusão do denominado “compromisso social do conhecimento” nos currículos e programas pedagógicos de cursos privados de terceiro grau ganhou força na última década, ampliando os espaços de práticas e reflexões sobre a utilidade pública dos conhecimentos científicos e técnicos. Tais rumos no âmbito das universidades, além de acompanhar ocontexto político-institucional do País, guardam ligação com movimentos no campo do conhecimento científico, que vive um momento de crise do paradigma tradicional da ciência moderna (SANTOS, 2003). De acordo com este autor, a ciência moderna teria se constituído rompendo com o senso comum e dele distanciando-se. Estaria

em curso, no entanto, um movimento de reaproximação entre ciência e sensocomum e entre os diversos setores da sociedade com seus saberes, o que tende a produzir uma ciência mais democrática e próxima das necessidades da sociedade e, ao mesmo tempo, um senso comum mais esclarecido. No entanto, essas frentes de atuação da universidade podem ter como motivação atender a demandas específicas da sociedade, obter recursos orçamentários adicionais ou promover oportunidades deaprendizagem aos universitários. Ou, ainda, uma combinação desses e de outros elementos. No campo das relações travadas para o desenvolvimento sócio-territorial, as universidades costumam envolver-se em processos com a presença de atores governamentais, empresariais e da sociedade civil organizada. As iniciativas, usualmente, caracterizam-se pela utilização de elementos do discurso participativo emsuas metodologias de campo e pelo almejado respeito à diversidade de saberes locais. A intenção costuma ser a de contribuir para a consolidação de uma cultura política compreendida não somente como legado histórico, mas como prática, resultado de um processo de construção cotidiana por meio da reciprocidade e compartilhamento de significados atribuídos e construídos no campo do imaginário e...
tracking img