Sociologia do crime e da violencia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (745 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade do Sul de Santa Catarina – Unisul
Campus Virtual


|[pic] |Atividade de Avaliação a Distância|

Disciplina: Sociologia do Crime e da Violência
Curso: GESTÃO EM SEGURANÇA PÚBLICA
Professor Tutor: Roberto Iunskovski
Nome do aluno:
Data: 16/08/10.

Orientações:
▪Procure o professor sempre que tiver dúvidas.
▪ Entregue a atividade no prazo estipulado.
▪ Esta atividade é obrigatória e fará parte da sua média final.
▪ Encaminhe a atividade viaEspaço UnisulVirtual de Aprendizagem (EVA).


1. Selecione uma das escolas do momento pré-científico da criminologia e aponte os aspectos centrais, exemplificando com uma situação concreta.(artigo, notícia, trecho de um depoimento, etc). (5,0 pontos)

O presente artigo: “Assim são as cadeias brasileiras" (SOUZA, http://pessoas.hsw.uol.com.br/prisoes5.htm), que versa sobre o dia-a-dia dascadeias, apesar de contemporâneo nos faz refletir sobre a Escola Penitenciarista. Escola esta referente ao momento pré-científico da criminologia.
Os pensadores da época pré-científica dacriminologia criticavam arduamente algumas leis vigentes que se caracterizavam pela crueldade dos castigos corporais. Desta forma, a Escola Penitenciarista, com representantes como John Horward e Benthanpreocupava-se, entre outras questões, em ter estabelecimentos apropriados para o cumprimento da pena. Também, a separação dos presos por sexo, idade, gravidade dos delitos, preservação da saúde e situaçãocarcerária dos presos, introdução de celas individuais, etc. Iniciando uma luta, lá no século XVIII, por condições mais humanas para os presos.

Hoje, em pleno século XXI, percebemos com o quefora evidenciado no artigo referido, que muitos dos pontos mencionados e criticados pela Escola Penitenciarista ainda não foram obtidos. Segundo o artigo “não há separação de tipos de criminosos, nem...
tracking img