Sociologia da educação: uma análise de suas origens e desenvolvimento a partir de um enfoque da sociologia do conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 27 (6657 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 14 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sociologia da Educação: Uma Análise
de suas Origens e Desenvolvimento
a Partir de um Enfoque da Sociologia
do ConhecimentoFerreira: Sociologia da Educação
106
Revista Lusófona de Educação
Neste trabalho, apresentamos uma discussão sobre aspectos relacionados às
origens e ao desenvolvimento do campo científico da sociologia da educação segundo um enfoque que trata a produção doconhecimento a partir de suas vinculações aos contextos sociopolíticos que o condicionam.
Para tanto, vinculamos esse processo à tentativa da educação de se afirmar
como campo de conhecimento autônomo frente ao diálogo com outros campos
científicos, o que pressupõe discutir o problema da busca de definição do status
da educação como ciência. Assim, interessa-nos articular o debate à busca daautonomia e identidade da educação como campo científico que, por volta de 1950,
procura se consolidar e definir objeto de estudo próprio e legítimo1
. Esse tipo de
enfoque se situa no campo da sociologia do conhecimento e se constituirá sob
uma dupla perspectiva: como um fenômeno histórico-social e como um processo
intelectual, o que significa afirmar que procuramos resgatar a trajetória dasociologia da educação a partir das tendências teórico-metodológicas de prestígio e da
sua inserção no contexto político-social, destacando os aspectos relacionados às
mudanças na função social assumida pela escola ao longo do tempo.
1. Breves considerações sobre o enfoque da sociologia
do conhecimento
Analisar a construção do conhecimento como processo articulado aos contextos sociais nãose caracteriza como um empreendimento novo. No início do
século XX, vários estudiosos de diferentes países interessavam-se por essa discussão. Na França, Auguste Comte propunha uma história social do conhecimento;
Durkheim e seus seguidores, principalmente Marcel Mauss, estudavam a origem
social de categorias fundamentais ou “representações coletivas”; do mesmo modo,
historiadores como MarcBloch e Lucien Febvre produziram reflexões importantes sobre as “mentalidades coletivas”.
Nos Estados Unidos, Veblen também estava interessado na sociologia do conhecimento, relacionando o conhecimento com os grupos sociais e instituições
específicas, afirmando que dentro de determinados grupos sociais o conhecimento
é considerado verdade universal, embora qualquer um possa reconhecer queele
tem seu caráter, alcance e método relacionado aos hábitos de vida do grupo.
Outro país que se destaca nesse tipo de reflexão é a Alemanha através de seus
intelectuais que revelavam um grande interesse pela sociologia do conhecimento,
ora seguindo as idéias de Karl Marx, ora afastando-se delas. Nessa discussão, as
obras de Weber, Max Scheler e Karl Mannheim se destacam. Argumentava-seque
as idéias são socialmente situadas e formadas por visões do mundo ou ‘estilos de
pensamento’. Esses estilos de pensamento eram associados a períodos, a nações
e, para Mannheim, a gerações e classes sociais. Foi esse grupo de intelectuais
que batizou as reflexões em que investiam como “sociologia do conhecimento”, Revista Lusófona de Educação
Revista Lusófona de Educação, 7, 2006
107Revista Lusófona de Educação
expressão que causava impacto negativo, por representar um questionamento da
verdade científica ao propor a sua relativização.
Após longo período de descaso com a temática da sociologia do conhecimento,
aparecendo apenas um ou outro trabalho produzido esporadicamente, esta ganha
nova força a partir da década de 1960 com os estudos de Lévi-Strauss, naantropologia, de Thomas Kuhn, na história da ciência, e de Michel Foucault, na filosofia.
Entre os sociólogos da atualidade, como Norbert Elias, Jurgen Habermas e,
principalmente, Pierre Bourdieu, o tema do conhecimento configurou-se como
objeto de estudo com atenção especial. No entanto, há que se destacar que a continuidade e retomada, agora com maior ênfase, do debate sobre conhecimento e...
tracking img