Sociointeracionismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (745 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A concepção pedagógica adotada pela escola é o sócio interacionismo. Nesta concepção pedagógica as interações sociais têm um papel determinante, ou seja, nesta concepção sugere-se que se avalie oaluno pelo que ele é capaz de produzir sozinho. Assim determina-se que o nível de riqueza cultura está determinado pelas relações e interações que determinarão o potencial atingido. Quanto mais rica estarelação, maior e mais sofisticado será o seu desenvolvimento.
Dentro desta concepção o papel do homem é promover relações sociais produtivas que beneficiem o seu desenvolvimento intelectual; aeducação cabe ajudá-lo a construir conceitos através de estruturas lógicas; a sociedade cabe a promoção destas relações de forma quantitativa e qualitativa; o papel do professor é mediar estas relações etirar proveito suas vivências, é ele quem ajuda a criança concretizar um desenvolvimento que ela ainda não atinge sozinha. Na escola, o professor e os colegas mais experientes são os principaismediadores; o papel social da escola é o de fazer com que o sujeito saiba separar o que é certo do que é errado, fazer com que se tenha um comportamento adequado e haja com a razão ao tomar decisões, para queestas não entrem em conflito com o meio e a sociedade.
É interessante ressaltar que para Vygotsky uma escola que se limita e ensinar aquilo que o aluno já sabe, torna-se inútil. E é esse ocompromisso percebido na escola estagiada, é de além de nivelar os alunos fazer com que eles aprendam com as vivências deles e dos colegas mais experientes. É ai que se expressa a função social da escola.
Osprincípios teóricos metodológicos mais significativos contidos na proposta pedagógica da escola, em nossa opinião são os que dizem respeito ao papel da tecnologia na sociedade como sendo extensão docorpo e não cérebro; esta concepção reafirma que o ser humano não deve ser refém e nem corre o risco de ser substituído pela máquina; também podemos citar uma concepção bastante sócio-interacionista...
tracking img