Sociedade e controle social

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1402 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SOCIEDADE E CONTROLE SOCIAL

Toda sociedade estabelece regras de convivência entre seus membros, sem as quais seria impossível convivência social.
Os homens aprendem que viver em grupo é a melhor maneira de superar os outros animais, de se defender, de trabalhar e produzir mais. A sobrevivência se torna mais fácil em sociedade. Eles passam a interagir, surgem às instituições,organizações e fenômenos sociais.
Esse controle social se dá por meio das normas, que são as obrigações sociais e podem ser informais e formais. As normas estão baseadas em valores que a sociedade considera essenciais para o seu funcionamento. As normas, ou seja, as obrigações sociais são interiorizadas pelos indivíduos e os conduzem em sua vida social.
O controle social, por tanto, estábaseado em valores relacionados com cada sociedade particular.

1- NORMAS E COSTUMES

Normas e costumes são uma formar de organizar a convivência em sociedade. É a forma de o individuo viver em harmonia com os outros.
As normas e os costumes são aprendidos socialmente, são essenciais para o funcionamento da sociedade e por isso são institucionalizadas para garantir que sejamseguidas.
Podem ser informais, onde não existe lei obrigando o cumprimento da mesma, mas que já faz parte dos costumes de uma sociedade, que se não for cumprida, o individuo foge das diretrizes de comunhão, e podem ser formais, onde são codificadas e, que se não houver o cumprimento o individuo poderá sofrer sanções.
Normas e costumes são utilizadas de uma maneira geral parapadronizar o comportamento humano perante a sociedade. O não cumprimento das mesmas pode acarretar ao individuo separações, como costumamos dizer: “viverá à margem da sociedade”.

2- O CONTROLE SOCIAL

O controle social funciona como o maior instrumento de socialização. A expressão controle social se refere a técnicas, estratégias e esforços para regular o comportamento humano em qualquersociedade.
O olhar de reprovação dos pais quando a criança toma sopa fazendo barulho, os adolescentes que fazem brincadeiras pejorativas se um deles aparece vestido de terno e gravata, são exemplos de controle social.
O controle social são as formas pelas quais a sociedade inculca os valores do grupo na mente de seus membros, para evitar que adotem um comportamento divergente.A primeira agência de controle social é a família. Desde que nasce a criança é orientada, controlada, moldada pelo grupo familiar. Depois temos a igreja, a escola e o Estado: são agências formais ou institucionalizadas de controle social.
O controle social pode ser formal ou informal. Quando mecanismos de controle social são utilizados casualmente pelas pessoas – como sorrisos, olhar dereprovação, advertência verbal -, considera-se o controle informal. Quando o controle social é levado a órgãos ou instituições sociais encarregados dele, como policiais, médicos, empregadores, militares, é dito formal. A sociedade provoca a aceitação das normas básicas (sejam elas formais ou informais) por meio do controle social.

3.1- SANÇÕES:

O sistema de recompensas epunições utilizado para o controle social denomina-se “sanções”. Estas podem ser positivas ou negativas.
São sanções positivas quando se referem a recompensas para estimular determinado comportamento. Incluem-se aí o tapinha nas costas, o elogio, a promoção no emprego, o aumento salarial, o recebimento de diploma de honra ao mérito etc.
As sanções são negativas quando se referem à puniçãopara reprimir um tipo de comportamento. Incluem-se entre estas a prisão, o ostracismo, o desprezo, a advertência etc.
As sanções podem ser ainda, formais e informais. Sanções formais são aquelas oficiais e públicas como multas e sentenças de prisão. As sanções informais não são oficias, muitas vezes são bastante sutis, como: um olhar de reprovação, um beliscão, o medo de se expor ao...
tracking img