Sobre a dengue

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3338 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Disque Saúde: 0800 61 1997
w w w. s a u d e . g o v. b r

Epidemiológicos, Diagnóstico e Tratamento
Ministério da Saúde

Dengue Aspectos

Epidemiológicos, Diagnóstico e Tratamento
Ministério da Saúde

Dengue Aspectos

© 2002. Ministério da Saúde. É permitida a reprodução parcial ou total desta obra, desde que citada a fonte. Série A. Normas e Manuais Técnicos, nº 176 Tiragem: 290mil exemplares Elaboração e distribuição: MINISTÉRIO DA SAÚDE Fundação Nacional de Saúde – FUNASA Secretaria de Políticas de Saúde – SPS Secretaria de Assistência à Saúde – SAS

O Ministério da Saúde, atento ao avanço da dengue, vem convocando as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde para participar do esforço nacional contra a doença em nosso país e, ao mesmo tempo, garantir uma boaassistência aos pacientes na rede do Sistema Único de Saúde (SUS). A adesão das secretarias estaduais e municipais vai refletir diretamente na atuação dos profissionais de saúde, particularmente os médicos, cuja função é orientar as pessoas quanto ao controle do vetor e prestar o devido atendimento. O vínculo com a população é fundamental para a redução dos criadouros do Aedes aegypti, como pneusabandonados e outros recipientes que possam acumular água. A informação é a nossa arma mais poderosa. Com esse objetivo, o Ministério da Saúde produziu esse manual de orientação técnica sobre a dengue, abrangendo aspectos epidemiológicos, diagnósticos e terapêuticos. Será lançado também o Protocolo de Condutas para Diagnóstico e Tratamento, que contou com a participação e o apoio do Conselho Federal deMedicina e da Associação Médica Brasileira. O Protocolo busca unificar as condutas médicas e as informações sobre suspeitas e confirmações de casos de dengue. Essa luta é de todos nós.

Maiores informações: Fundação Nacional de Saúde – FUNASA SAS Quadra 4, bloco N CEP: 70058-902, Brasília - DF Tel.: (61) 314 6440 Fax: (61) 225 9428 E-mail: funasa@funasa.gov.br Home page: www.funasa.gov.brImpresso no Brasil / Printed in Brazil

Ficha Catalográfica

Brasil. Ministério da Saúde. Fundacão Nacional de Saúde. Dengue: aspectos epidemiológicos, diagnóstico e tratamento / Ministério da Saúde, Fundação Nacional de Saúde. – Brasília: Fundação Nacional de Saúde, 2002. 20p.: il. – (Série A. Normas e Manuais Técnicos, nº 176) 1. Dengue. I. Brasil. Ministério da Saúde. II. Brasil. FundaçãoNacional de Saúde. III. Título. IV. Série. NLM WC 528

Catalogação e expedição: EDITORA MS Documentação e informação: SIA Trecho 4, Lotes 540/610 71200-040, Brasília - DF Fones: (61) 233 1774 / 2020; Fax: (61) 233 9558 E-mail: editora.ms@saude.gov.br

Barjas Negri Ministro da Saúde

Agente Etiológico
O vírus da dengue é um arbovírus do gênero Flavivírus, pertencente à família Flaviviridae. Sãoconhecidos quatro sorotipos: 1, 2, 3 e 4.

Aspectos Epidemiológicos A dengue é uma doença febril aguda, de etiologia viral e de evolução benigna na forma clássica, e grave quando se apresenta na forma hemorrágica. A dengue é, hoje, a mais importante arbovirose (doença transmitida por artrópodes) que afeta o homem e constitui-se em sério problema de saúde pública no mundo, especialmente nospaíses tropicais, onde as condições do meio ambiente favorecem o desenvolvimento e a proliferação do Aedes aegypti, principal mosquito vetor.
6

Vetores Hospedeiros
Os vetores são mosquitos do gênero Aedes. Nas Américas, a espécie Aedes aegypti é a responsável pela transmissão da dengue. Outra espécie, Aedes albopictus, embora presente no Brasil, ainda não tem comprovada sua participação natransmissão, embora na Ásia seja um importante vetor.

Modo de Transmissão
A transmissão se faz pela picada do Aedes aegypti, no ciclo homem - Aedes aegypti - homem. Após um repasto de sangue infectado, o mosquito fica apto a transmitir o vírus, depois de 8 a 12 dias de incubação. A transmissão mecânica também é possível, quando o repasto é interrompido e o mosquito, imediatamente, se alimenta num...
tracking img