Snc ncrf 1

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2211 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PSE I

PSE I

Operação Especial nº 4
Operação Especial nº 4


De acordo com a Gerência,fora solicitado o envio do balanço,da demonstração dos resultados (por natureza e por funções) e da demonstração de fluxos de caixa da nossa entidade (Empresa 137 – Vig. & Seg.).
As Demonstrações Financeiras (§§ 12 a 21, Estrutura Conceptual) têm como objectivo porporcionar informação a umavasta gama de utentes na tomada de decisões económicas com base nas mesmas.
A Demonstração de Resultados (§§ 31 a 38 NCRF 1) evidencia os gastos e os rendimentos de um período, trata-se de uma demonstração do desempenho de fluxos económicos. Observa-se que os gastos e os rendimentos originam saídas e entradas de dinheiro, mas o fluxo monetário não coincide com o económico, porque existem compras evendas a crédito.Por outro lado existem fluxos monetários que não decorrem do económico (empréstimos concedidos, empréstimos obtidos).O resultado líquido do período é elemento comum no Balanço e na Demonstração dos resultados, no entanto não é coincidente com os meios financeiros líquidos na data do balanço.Várias razões explicam esta realidade:
1. os gastos e os rendimentos originam saídas eentradas de dinheiro, mas o fluxo monetário não coincide com o económico, porque existem compras e vendas a crédito.
2. existem fluxos monetários que não decorrem do fluxo económico (empréstimos concedidos, empréstimos obtidos, operações de investimento e de capitais).

Como oportunamente foi referido os factos patrimoniais modificativos afectam a composição e o valor do património líquido,por via dos resultados líquido do período, ou sejam refectem-se no Balanço e na Demonstração de Resultados:
* DR (gastos) e Balanço (activo) – pagamento de electricidade
* DR (gastos) e Balanço (passivo) – obtenção de prestação serviço a crédito
* DR (rendimentos) e Balanço (activo) – venda a pronto
* DR (rendimentos) e Balanço (passivo) – imputação a rendimentos de rendimentos areconhecer e lançados em período anterior

Os restantes fluxos afectam apenas os elementos activo, passivo e capital não por via dos resultados.
1. compra a pronto ( só activo)
2. compra a crédito (activo e passivo)
3. incorporação de dívidas em capital ( passivo e capital)
4. distribuição de lucros (capital e passivo)
5. pagamento dos lucros ( passivo e activo)A demonstração dos resultados proporciona informação acerca do desempenho num período de tempo, discriminando os gastos, os rendimentos e o resultado do exercício, que aliás também é evidenciado no balanço;
* é a demonstração financeira que tem por finalidade apresentar o resultado das operações num determinado período de tempo e que serve para avaliar o desempenho;
* O resultadogerado durante um período contabilístico é determinado pela diferença entre os rendimentos e os gastos que cumpriram os critérios de reconhecimento;
* é um quadro que evidencia as componentes negativas e positivas do resultado relativo ao intervalo de tempo entre duas datas do balanço ( vulgo, ano n e ano n-1);

Na demonstração dos resultados por naturezas os rendimentos e os gastos sãoagrupados pelas respectivas naturezas, de modo a permitir obter separadamente os diversos tipos de resultados:
* resultado antes de depreciações e gastos de funcionamento e impostos
* resultado operacional ( antes de gastos de financiamento e de impostos)
* resultado antes de impostos
* resultado líquido do período

Na demonstração de resultados por funções osrendimentos e os gastos são apresentados de acordo com as funções empresariais;
* Resultado bruto
* Resultado operacional (antes de gastos de financiamento e de impostos)
* Resultado antes de impostos
* Resultado líquido do período

A análise do Balanço (§§ 10 a 30 NCRF 1) dá um diagnóstico sobre a real situação económica-financeira da organização,...
tracking img