Sistemas roboticos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4529 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTO ANDRÉ
FACULDADE DE ENGENHARIA EM PROCESSOS DE PRODUÇÃO
















SISTEMAS ROBÓTICOS
Companhia Brasileira de Cartuchos







Jeferson de Almeida Matos








SANTO ANDRÉ
2012


CENTRO UNIVERSITÁRIO DE SANTO ANDRÉ
FACULDADE DE ENGENHARIA


























SISTEMAS ROBÓTICOSJEFERSON DE ALMEIDA MATOS
TURMA: 7A RGM: 0923433680
CURSO: ENGENHARIA EM PROCESSOS DE PRODUÇÃO










SANTO ANDRÉ
2012

SENSOR CAPACITIVO

1-Introdução

Capacitores
O primeiro capacitor foi construído em 1746 pelo físico holandês Pieter van
Musschenbroek, na Universidadede Leyden, na Holanda. Esse capacitor era
constituído por uma garrafa de vidro, preenchida por água ou outro líquido.
Uma rolha era usada como tampa e por essa tampa passava um condutor que
entrava em contato com a água. Essa garrafa é conhecida até hoje como a
Garrafa de Leyden.
Capacitor é um componente que armazena energia num campo elétrico,
acumulando um desequilíbrio interno de cargaelétrica.
Os formatos típicos consistem em dois eletrodos metálicos ou placas paralelas
que armazenam cargas opostas. Estas duas placas são condutoras e são
separadas por um dielétrico, sendo o mesmo uma substância que possui alta resistência ao fluxo da corrente elétrica






















Figura1 - Quando uma diferença de potencial V = Ed é aplicada às placas
destecondensador simples, surge um campo elétrico entre elas. Este campo
elétrico é produzido pela acumulação de uma carga nas placas.
A propriedade que estes dispositivos têm de armazenar energia elétrica sob a
forma de um campo eletrostático é chamada de capacitância ou capacidade
(C) e é medida pelo quociente da quantidade de carga (Q) armazenada pela
diferença de potencial ou tensão (V) queexiste entre as placas:






Onde:
C é dado em Farad;
Q é dado em Coulomb;
V é dado em Volt
A equação acima é exata apenas para valores de Q muito maiores que a carga
do elétron (e = 1,602 × 10−19 C). Porém quando o valor de Q não for muito
maior do que a ordem da carga do elétron usa-se a equação abaixo:







Onde:
C é a capacidade em farad;
ε0 é a permissividadeeletrostática do vácuo ou espaço livre (ε0 = 1/36p nF/m);
εr é a constante dieléctrica ou permissividade relativa do isolante utilizado;
A é a área coberta pelo capacitor;
d é a distância entre as placas.
















Figura 2 – Circuito com Capacitor


2- Tipos de Sensores
Sensores são dispositivos que mudam seu comportamento sob a ação de umagrandeza física podendo fornecer diretamente ou indiretamente um sinal que
indica esta grandeza.
Sistemas computacionais industriais podem usar sensores para verificar se
peças estão presentes ou ausentes, para medir peças, e mesmo para verificar
se o produto está vazio ou cheio. O uso de sensores para monitorar processos
é vital para o sucesso de uma manufatura e para assegurar a segurançado
equipamento e do operador. De fato, os sensores executam tarefas simples
mais eficientemente e mais precisamente do que pessoas. Os sensores são
muito mais rápidos e cometem poucos erros.
Existem vários tipos e modelos de sensores que variam conforme o objeto alvo
de sensoriamento. Os mais comuns são: Sensores Indutivos, Sensores
Capacitivos, Sensores Fotoelétricos, Sensores Magnéticos eSensores de
pressão ou toque.


2.1- Sensores Capacitivos
São sensores capazes de detectar a aproximação de objetos sem a
necessidade de contato físico, com principio de funcionamento baseado na
variação da capacitância.
O fenômeno da capacitância elétrica é utilizado numa grande variedade de
sensores devido a algumas características convenientes que ele apresenta.
Basicamente, dois...
tracking img