Sistemas operacionais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3221 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Disciplina: Sistemas Operacionais II
Professor Especialista: Sílvio José Trindade Alvim
Polo: Mimoso do Sul
Tutor a Distância: Wemersom Carvalho dos Santos
Aluno: Maurício Brandão Gonçalves
Tarefa 4 – Edição e Compilação de Programas no GNU/Linux
1 – Que tipo de exceção de segurança é gerada pelo programa abaixo? Explique com suas palavras.

#include<stdio.h>#include<stdlib.h>

int main(int argc, char **argv)
{
int i;
float vetor[10];
for (i=0; i<1000; i++)
{
vetor[i] = (float) i;
printf ("vetor[%d] = %.f\n", i, vetor[i]);
}
return 0;
}

mauricio@mauricio-laptop:~$ cd so2
mauricio@mauricio-laptop:~/so2$ gcc prog3_acessoilegal.c -o prog3_acessoilegal -Wall
mauricio@mauricio-laptop:~/so2$ ./prog3_acessoilegal
vetor[0] = 0
vetor[1] =1
vetor[2] = 2
vetor[3] = 3
vetor[4] = 4
vetor[5] = 5
vetor[6] = 6
vetor[7] = 7
vetor[8] = 8
vetor[9] = 9
Falha de segmentação
mauricio@mauricio-laptop:~/so2$

R: O tipo de exceção de segurança e a tentativa de acesso ilegal à memória, sendo este erro chamado de falha de segmentação, pois no programa é declarado um vetor de 10 posições e um comando for para 1000 posições,levando o programa a tentar acessar uma posição de memória fora de seu segmento, ocasionando com isso a exceção de segurança.

2 – A construção abaixo utiliza uma “|” (barra vertical) para representar o que?
./prog1 | ./prog2 | ./prog3 | ... | ./progN

R: Representa os pipes.

3 – Digite o comando ps em suas formas variadas – conforme os exemplos a seguir – e compare as saídas apresentadas(lembre-se de que para sair do comando less basta digitar q). No último exemplo, não se esqueça de trocar o nome “Sérgio”pelo seu login. Exemplos:
a. ps
b. ps a
c. ps x | less
d. ps ax | less
e. ps aux | less
f. ps aux | grep sergio

R:
mauricio@mauricio-laptop:~$ ps
PID TTY TIME CMD
6860 pts/0 00:00:00 bash
6877 pts/0 00:00:00 ps

Exibe informações sobre o estado correntedos processos, apresentando o PID e outras informações sobre o processo, como o comando executado (CMD).

mauricio@mauricio-laptop:~$ ps a
PID TTY STAT TIME COMMAND
4263 tty4 Ss+ 0:00 /sbin/getty 38400 tty4
4264 tty5 Ss+ 0:00 /sbin/getty 38400 tty5
4267 tty2 Ss+ 0:00 /sbin/getty 38400 tty2
4273 tty3 Ss+ 0:00 /sbin/getty 38400 tty3
4274 tty6 Ss+ 0:00 /sbin/getty 38400tty6
5066 tty7 Ss+ 1:43 /usr/bin/X :0 -br -audit 0 -auth /var/lib/gdm/:0.Xaut
5260 tty1 Ss+ 0:00 /sbin/getty 38400 tty1
6860 pts/0 Ss 0:00 bash
6879 pts/0 R+ 0:00 ps a

Exibe informações sobre os processos criados por usuários do sistema.

mauricio@mauricio-laptop:~$ ps x | less
PID TTY STAT TIME COMMAND
5288 ? S 0:02 /usr/lib/libgconf2-4/gconfd-2 4
5290 ? S0:00 /usr/bin/gnome-keyring-daemon -d --login
5291 ? Ssl 0:00 x-session-manager
5396 ? Ss 0:00 /usr/bin/seahorse-agent --execute x-session-manager
5400 ? Ss 0:00 dbus-daemon --fork --print-address 20 --print-pid 22 --session
5401 ? Sl 0:04 gnome-settings-daemon
5405 ? Sl 0:05 /usr/bin/pulseaudio --log-target=syslog
5412 ? S 0:00 /usr/lib/pulseaudio/pulse/gconf-helper5423 ? Ss 0:26 gnome-screensaver
5424 ? S 0:09 /usr/bin/metacity --sm-client-id=default0
5426 ? S 0:12 gnome-panel --sm-client-id default1
5428 ? S 0:04 nautilus --no-default-window --sm-client-id default2
5436 ? Ssl 0:00 /usr/lib/bonobo-activation/bonobo-activation-server --ac-activate --ior-output-fd=16
5439 ? S 0:00 /usr/lib/gvfs/gvfsd
5440 ? S 0:00bluetooth-applet --singleton
5443 ? S 0:01 update-notifier
5446 ? S 0:00 tracker-applet
5447 ? Sl 0:00 /usr/lib/evolution/2.22/evolution-alarm-notify
5451 ? SNl 0:00 trackerd
5456 ? S 0:15 nm-applet --sm-disable
:

Exibe de forma paginada os processos que não são controlados pelo terminal.

mauricio@mauricio-laptop:~$ ps ax | less
PID TTY STAT TIME COMMAND
1 ? Ss...
tracking img