Sistemas embarcados

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5441 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
















SISTEMAS EMBARCADOS






Lamara Ferreira
Thaisa Lacerda
Thiago Reginaldo








Florianópolis, 18 de maio de 2009


SUMÁRIO



1. INTRODUÇÃO 4
1.2 Conceito 5

1.3 História 5

2. MICROCONTROLADORES 5
2.1 Unidade Central de Processamento 6

2.1.1 CPUs para sistemas embutidos 6

2.2 Unidade de Memória 6

2.3Unidade de Entrada e Saída 7

2.4 Funcionamento 7

2.5 Principais recursos 7

2.5.1 Interrupção 8

2.5.2 Temporizadores/contadores 8

3. INTERFACES DO UTILIZADOR 8
3.1 Processamento 9

 3.2 Periféricos 9

3.3 Disponibilidade 9

4. METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EMBARCADOS 9
5. SISTEMAS EM TEMPO-REAL EMBARCADOS DISTRIBUÍDOS (STrED) 11
6. DIFICULDADESDE IMPLEMENTAÇÃO 12
7. SISTEMAS OPERACIONAIS EMBARCADOS 12
7.1 Linux 13

7.1.1 Diferenças entre Linux tradicional e Linux embarcado 13

7.2 Windows Embarcado 13

7.2.1 Windows XP Embedded  13

7.2.2 Windows CE 14

8. EXEMPLOS PRÁTICOS DE SISTEMAS EMBARCADOS 16
8.1 Veículos Inteligentes 16

8.1.1 Conceitos 16

8.3 Urnas Eletrônicas 18

8.4 PDA 18

9.CONCLUSÃO 19
10. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 20









1. INTRODUÇÃO



Embora os computadores pessoais normalmente roubem a cena, os sistemas embarcados são muito mais numerosos e são responsáveis por toda a estrutura que utilizamos no dia a dia, já que podem ser programados para desempenhar praticamente qualquer função.
Atualmente 2% dos microprocessadores estão emsistemas interativos, estações de trabalho, rede, aplicações definidas pelos usuários, enquanto 98% deles estão nos sistemas embarcados (Figura 1). No nosso dia-a-dia lidamos com vários deles:
• Alarmes automotivos, sistemas de airbag e ABS, computadores de bordo, injeção eletrônica, GPS;
• Máquinas de lavar, microondas, DVD/Media players, TV Digital;
• Calculadoras, videogames, PDAs;
•Semáforos, câmeras de vigilância, radares;
• Equipamentos para rede (roteadores, switches, modems);
• Telefones celulares, centrais telefônicas; Equipamentos de controle industriais;
• Robótica.




[pic]Figura 1.


1 1.2 Conceito



Um sistema embarcado (ou sistema embutido) é um sistema microprocessado no qual o computador é completamente encapsulado ou dedicado aodispositivo ou sistema que ele controla. Diferente de computadores de propósito geral, como o computador pessoal, um sistema embarcado realiza um conjunto de tarefas predefinidas, geralmente com requisitos específicos. Já que o sistema é dedicado a tarefas específicas, através de engenharia pode-se otimizar o projeto reduzindo tamanho, recursos computacionais e custo do produto.
Esses sistemas temcomo características possuir grande interação com o meio a sua volta, seja de forma automática ou por meio de interfaces, possuir restrições de tempo real, restrições de alimentação, operar com sistemas operacionais em tempo real, requerer métodos e ferramentas específicas.



2 1.3 História


A história dos sistemas embarcados começa na década de 1940, com o surgimento doscomputadores digitais, que por vezes eram dedicados a realizar uma única tarefa. Eram, entretanto, muito grandes para serem considerados embarcados.
O primeiro sistema embarcado reconhecido foi o Apollo Guidance Computer, desenvolvido por Charles Stark Draper no MIT. O computador de guia operava em tempo real e usava circuitos integrados monolíticos para reduzir o tamanho e o peso doequipamento.
O primeiro sistema embarcado de produção em massa foi o computador guia do míssil nuclear LGM-30 Míssil Minuteman, lançado em 1961. Ele possuía um disco rígido para a memória principal. Quando a segunda versão do míssil entrou em produção em 1966, o computador guia foi substituído por um novo, que constituiu o primeiro uso em grande volume de circuitos integrados. A tecnologia desse...
tracking img