Sistema respiratorio dos mamiferos, aves e peixes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1468 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de maio de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sistema respiratório dos mamíferos
Os mamíferos possuem respiração exclusivamente pulmonar. O sistema respiratório deles é formado pelos pulmões e pelas vias respiratórias (fossas nasais, faringe, laringe, traquéia e brônquios).
Os movimentos de entrada do ar (inspiração) e saída (expiração) são controlados por um músculo que separa o tórax do abdômen: o diafragma.
Inspiração
A entrada de ar nospulmões, a inspiração, dá-se pela contração da musculatura do diafragma e dos músculos intercostais (músculos que estão entre as costelas). O diafragma abaixa e as costelas elevam-se, com isso ocorre um aumento do volume da caixa torácica (estrutura óssea que protege os pulmões e o coração), fazendo com que o ar entre nos pulmões.
Expiração
Em seguida ocorre a saída de ar dos pulmões, aexpiração, acontece o relaxamento da musculatura do diafragma e dos músculos intercostais, eleva-se o diafragma e as costelas abaixam, diminuindo assim o volume da caixa torácica, expulsando o ar dos pulmões. Nem todo ar é expulso dos pulmões, ficando um pequeno volume que permanece dentro dos alvéolos, evitando que haja um colapso nas finas paredes dos alvéolos.

Fossas nasais
Têm as funções de filtrar,umedecer e aquecer o ar que é inspirado. São duas cavidades, localizadas na base do nariz, paralelas que começam nas narinas e terminam na faringe. Elas são separadas uma da outra por uma parede cartilaginosa denominada septo nasal.

Faringe
é um canal que comunica-se com a boca e com as fossas nasais. O ar inspirado pelas narinas ou pela boca passa necessariamente pela faringe, antes de atingir alaringe.
Laringe: é um tubo sustentado por peças de cartilagem articuladas, situado na parte superior do pescoço, em continuação à faringe..
A entrada da laringe chama-se glote. Acima dela existe uma espécie de “lingüeta” de cartilagem denominada epiglote, que funciona como válvula. Quando nos alimentamos, a laringe sobe e sua entrada é fechada pela epiglote. Isso impede que o alimento ingeridopenetre nas vias respiratórias.
O epitélio que reveste a laringe apresenta pregas, as cordas vocais, capazes de produzir sons durante a passagem de ar.
Traqueia:
é um tubo de aproximadamente 1,5 cm de diâmetro por 10-12 centímetros de comprimento, cujas paredes são reforçadas por anéis cartilaginosos. Bifurca-se na sua região inferior, originando os brônquios são os tubos que levam o ar aospulmões.

Sistema respiratório dos Peixes

Os peixes respiram por meio de brânquias, Brânquias são órgãos especializados em realizar trocas gasosas entre o meio aquático e o sangue animal. O suprimento constante de gás oxigênio e a remoção do gás carbônico são garantidos pela circulação constante da água em torno dos filamentos branquiais. Os peixes cartilaginosos, como tubarões e as raias, nadam com aboca semi-aberta, de modo que a água entre por ela e sai pelas fendas branquiais, oxigenando o sangue. Os peixes ósseos, por sua vez, desenvolveram um mecanismo que fez a água circular pelas brânquias mesmo quando estão parados. Eles abaixam o “assoalho” de sua cavidade bucal, de modo a aspirar água pela boca e, em seguida, abrem os opérculos e forçam água a sair pelas fendas brânquias. A finacamada de células que recobre os filamentos branquiais permite que o sangue ai presente se abasteça de gás oxigênio e elimine o gás carbônico.

Algumas poucas espécies de peixes ósseos respiram no meio aéreo, por uma bolsa ricamente vascularizada – pulmão – ligada à faringe. Esses organismos, conhecidos como peixes pulmonados, são capazes de encher seu pulmão de ar, do qual o sangue retira o gásoxigênio, eliminando o excesso de gás carbônico. Acredita-se que esse tipo de respiração era usado pelos ancestrais dos peixes ósseos, os quais viviam em água doce pobre em gás oxigênio e teriam desenvolvido esse mecanismo como auxiliar da respiração branquial.
O primitivo pulmão perdurou nos peixes pulmonados atuais, enquanto nos demais osteíctes transformou-se em uma bolsa com gases, a bexiga...
tracking img