Sistema prisional feminino

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 114 (28398 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO CENTRO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA CURSO DE HISTÓRIA

ALANNA BIELY CARVALHAL DE MELO

“MULHERES PERDIDAS”: perfil das mulheres encarceradas no Maranhão nas décadas de 1950 a 1970.

São Luís 2010

ALANNA BIELY CARVALHAL DE MELO

“MULHERES PERDIDAS”: perfil das mulheres encarceradas no Maranhão nas décadasde 1950 a 1970.

Monografia apresentada ao Curso de História da Universidade Estadual do Maranhão – UEMA, para obtenção do grau de Licenciatura em História. Orientadora: Profa Ms. Sandra Regina Rodrigues dos Santos

São Luís 2010

“MULHERES PERDIDAS”: perfil das mulheres encarceradas no Maranhão nas décadas de 1950 a 1970.

Monografia apresentada ao Curso de História da UniversidadeEstadual do Maranhão – UEMA, para obtenção do grau de Licenciatura em História. Orientadora: Profa Ms. Sandra Regina Rodrigues dos Santos

Aprovado em:

/

/

BANCA EXAMINADORA

_________________________________________________________ Profa. Dr.ª. Sandra Regina Rodrigues dos Santos Universidade Estadual do Maranhão

_________________________________________________________ 1o Examinador_________________________________________________________ 2o Examinador

A Deus por quem todas as coisas foram feitas. À minha família, especialmente meus pais pelo amor incondicional, aos amigos que tornaram minha caminhada mais leve e feliz.

A prisão serve muito bem para manter a lógica de um sistema de justiça criminal estruturado de forma a penalizar com a privação de liberdade oscrimes das camadas mais desprivilegiadas da população. E, enquanto são esses os criminosos que acabam na prisão, é muito fácil afirmar que ali está o perigo e que, consequentemente, a sociedade encontra-se a salvo. FOUCAULT

AGRADECIMENTOS

A Deus a quem devo todas as oportunidades e conquistas de minha vida. E que me mostra diariamente as obras do seu eterno amor. Ao meu pai, Luís Bernardo,primeiro e eterno amor, por ter me ensinado a escolher sempre os melhores caminhos. E por ter me permitido financeiramente ser estudante por tanto tempo. À minha mãe, ser indescritível, a quem amo imensamente, sem a qual nada disso seria possível, obrigada pelo incentivo, pela paciência e por ter me ensinado a lutar pelos meus objetivos, metade da conquista é sua. À Ângela de Cássia pela dedicação eauxílio nos momentos difíceis, por não me deixar dormir na reta final da monografia, sabendo que era o momento que tinha para escrevê-la. Obrigada por me ajudar algumas vezes para além de suas possibilidades. Aos meus irmãos, Lusiane e Luís Jhonne, pelos sentimentos de amor e ódio que nos mantém unidos, quero compartilhar com vocês mais essa conquista. À minha grande amiga, Silvia Helena, com quemcompartilhei muitas das minhas angústias, medos, dificuldades e conquistas dos últimos anos. Afinal eram mais de dez horas de convivência diária, na dupla rotina de UFMA e UEMA. E com quem pretendo compartilhar ainda muitas alegrias. As minhas amigas, Lellya e Pollyanna, companheiras para além da História, por termos vivido juntas momentos maravilhosos. Aviso que agora terão que me aguentar paraa vida toda. Aos meus amigos de curso, especialmente Tatiana, André e Marco Aurélio, por terem tornado meus anos de curso mais felizes. À Elizabeth Abrantes por ter me orientado num momento tão agitado e importante de sua vida e pela disponibilidade, responsabilidade, compromisso e amor com que exerce sua profissão. Aos meus professores do curso pela contribuição na formação de tantos amantes daHistória e pela dedicação e amor a profissão que todos sempre transmitiram. Aos funcionários do Arquivo Público, do Tribunal de Justiça e da Penitenciária de Pedrinhas, em especial Orlando, pela ajuda na realização deste trabalho.

RESUMO

No presente trabalho, analisa-se o perfil das mulheres encarceradas no Maranhão nas décadas de 1950 a 1970. Para isso faz-se inicialmente um breve...
tracking img