Sistema operacional distribuido

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5161 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto


$%&

 $

$

Neste capítulo vamos apresentar dois exemplos de sistema operacional distribuído: Amoeba e Mach.
  240-,

O sistema Amoeba é originário da Universidade de Vrije em Amsterdam em um projeto de pesquisa em computação paralela e distribuída em 1981 ( Andrew S. Tanenbaum e estudantes de doutorado). Várias versões foram desenvolvidas desde então, a versão aquidescrita será a 5.2. A abordagem do projeto Amoeba foi diferente de outros projetos em sistemas operacionais distribuídos, adicionar novas características a sistemas existentes (rede, sistema de arquivos compartilhado) para torná-los mais distribuídos. O Amoeba optou por desenvolver o sistema desde o zero sem se importar com compatibilidade e usando idéias novas para sua implementação. A metaimportante do projeto era construir um sistema operacional distribuído transparente, ou seja, o usuário usa o Amoeba como se fosse um sistema operacional timesharing tradicional, a diferença é que as ações realizadas pelo sistema envolvem a participação de várias máquinas, incluindo servidores de processos, servidores de arquivos, servidores de diretórios, etc, sem que o usuário saiba disto. No Amoebanão existe o conceito de máquina própria, ou seja, quando o usuário entra ele o faz no sistema como um todo e não em uma máquina específica. Todos os recursos pertencem ao sistema como um todo e são gerenciados desta forma. Uma segunda meta do sistema é fornecer um ambiente apropriado para programação paralela e distribuída. Como metas básicas de projeto o Amoeba apresenta: 1. Transparência deRede – Todos os acessos a recursos devem ser transparentes de rede. Em particular, a existência de um sistema de arquivos para o sistema como um todo, e os processos executam em processadores escolhidos pelo sistema sem o conhecimento do usuário. 2. Gerência de recursos baseado em Objetos – O sistema foi projetado para ser baseado em objetos. Cada recurso é considerado como um objeto e todos osobjetos, independente do seu tipo, são acessados por um esquema de nomes uniforme. Os objetos são gerenciados por um servidor e o acesso a eles é feito enviando mensagens para os servidores, mesmo localmente. 3. Servidores a nível de usuário – O sistema foi construído, tanto quanto possível, como uma coleção de servidores executando, no nível de usuário, em cima de um microkernel padrão que roda emtodas as máquinas do sistema. Atenção particular foi dada ao problema de proteção, o microkernel do Amoeba utiliza um modelo uniforme para acesso aos recursos através de capacidades.

Arquitetura do Amoeba. O Amoeba foi projetado com duas asserções em mente: 1) Os sistemas terão um grande número de CPUs e, 2) Cada CPU terá dezenas de megabytes de memória. Provavelmente, no futuro, a maioria dasinstalações será compatível com estas asserções. A idéia da arquitetura do sistema é suportar a necessidade de incorporar um grande número de CPUs de uma forma não complexa. Suponha que você possa prover para 66

cada usuário um sistema multiprocessador com 10 ou 100 processadores, o que você faria? Provavelmente a solução seria dar um destes sistemas para cada usuário. Entretanto, talvezesta não seria a melhor forma e nem efetiva de gastar o orçamento, principalmente porque a maior parte do tempo os processadores estariam ociosos para a maioria dos usuários, enquanto que alguns precisariam executar programas necessitando um grande poder computacional. Desta forma, o Amoeba é baseado no modelo pool de processadores mostrado anteriormente. Ele é baseado no modelo mostrado na figuraabaixo.

REDE

Neste modelo todo o poder computacional está localizado em um ou mais conjuntos de processadores. Um conjunto de processadores é composto por um número de CPUs sendo que cada uma com a sua memória local e conexão em rede. As CPUs podem ser de qualquer tipo, diferentes arquiteturas. Quando o usuário entra com um comando, o sistema operacional escolhe dinamicamente um ou mais...
tracking img