Sistema de ventilação

Sistemas de Ventilação: Constituição e Classificação, Critérios para Dimensionamento, Cálculo da Perda de Carga, Métodos de Dimensionamento e Geração de Ruído

Elementos Constituintes de Sistemas de Ventilação

Sistemas de ventilação têm funções variadas: (i) promover a circulação de ar condicionado (resfriado ou aquecido) para manter conforto humano em ambientes; (ii) remover arcontaminado de ambientes; (iii) remover, com auxílio de uma corrente de gás, particulado sólido gerado em processos industriais; (iv), promover a filtragem de ar de ambientes críticos, etc. Um sistema de ventilação é constituído do(s) ventilador(es), dos dutos aos quais os ventiladores estão conectados, e inúmeros elementos auxiliares que têm função específica. Os dutos, de forma similar às tubulações deum sistema de bombeamento, têm a função de conduzir, confinadamente, os gases de trabalho (muitas vezes o ar) entre as extremidades do sistema de ventilação. Um sistema de ventilação bem projetado é aquele que, minimizando custos de investimento e operação, distribui/exaure o gás, de acordo com as especificações, para/de vários ambientes ao qual está conectado, opera com perda de carga reduzida enão gera ruído intenso e prejudicial à saúde dos indivíduos que habitam sua área de atuação.
Uma lista dos elementos auxiliares de um sistema de ventilação compreenderia:
1- ‘dampers’ de controle, as ‘válvulas’ dos sistemas de ventilação, podem ser manuais ou automáticos, e são usados para controlar e ajustar a vazão do gás de trabalho e mesmo isolar elementos do sistema de ventilação, como éo caso dos ‘dampers’ corta-fogo;
2- filtros, aplicados para remover pó, particulado sólido, contaminantes e odor do escoamento de gás;
3- Serpentinas de aquecimento e resfriamento, utilizadas em sistemas de condicionamento de ar e refrigeração para manter o ar na temperatura de conforto ou na temperatura especificada para o processo que ocorre no ambiente condicionado;
4- Abafadores de ruído,aplicados para reduzir o nível de ruído produzido pelo ventilador;
5- Caixas de mistura, utilizadas para misturar correntes gasosas diversas e garantir a especificação do gás insuflado no ambiente (por exemplo, o ar de retorno de um ambiente condicionado e o ar externo é misturado na caixa de mistura para garantir uma taxa de renovação especificada e manter em nível baixo a concentração decontaminantes, CO2, etc);
6- Umidificadores e desumidificadores, utilizados para controlar a umidade do ar insuflado em ambientes. Serpentinas de resfriamento são desumidificadores quando operam em temperaturas inferiores ao ponto de orvalho, causando a condensação da umidade do gás ventilado sobre sua superfície;
7- caixas de volume variável, utilizadas em sistemas de condicionamento de ar, supremuma vazão variável de ar condicionado ao ambiente em resposta a um sinal proveniente de um sensor de temperatura;
8- difusores, instalados na extremidade dos dutos,são os elementos responsáveis por distribuir/remover adequadamente o ar dos ambientes condicionados;
9 singularidades dos dutos, tais como cotovelos, junções, derivações, etc.

Alguns Exemplos de Sistemas de Ventilação

Hásistemas de ventilação simples, constituídos pelo ventilador somente (os “circuladores de ar”, de teto, de coluna ou de mesa), os sistemas formados por um único ventilador e duto de insuflamento ou exaustão, ou mesmo um ventilador montado em um gabinete de dimensões reduzidas, onde há um filtro e uma sepentina de resfriamento ou de aquecimento de ar (o chamado ‘fan-coil’), e difusores nasextremidades de dutos de comprimento reduzido (ver esquema abaixo).



Sistema de ventilação simples: unidade “fan-coil”

Há sistemas de ventilação complexos, geralmente partes de sistemas centrais de condicionamento de ar, ou de exaustão. Nestes, a característica principal é a grande quantidade de ambiente que são atendidos pelo ar insuflado e/ou exaurido através de um conjunto complexo de dutos,...
tracking img