Sistema abo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6115 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TRATAMENTO DE FERIDAS
Leila Blanes*
HISTÓRICO
Durante séculos, o tratamento de feridas variou com o objetivo de melhores
resultados cicatriciais em menor tempo possível. Em uma revisão de literatura, Andrade1
descreve que já na pré-história vários agentes como extratos de plantas, água, neve, gelo,
frutas e lama eram aplicados sobre as feridas. Na Mesopotâmia, elas eram lavadas com
água ou leitee o curativo era realizado com mel ou resina. Lã de carneiro, folhas e cascas
de árvore eram utilizados para sua cobertura. Os egípcios concluíram que uma ferida
fechada cicatrizava mais rápido do que aberta, por isso, utilizavam tiras de pano para
manter unidas as margens da lesão. Hipócrates sugeria que as feridas contusas fossem
tratadas com calor e pomadas para promover a supuração, removermaterial necrótico e
reduzir a inflamação. No início da era cristã, Celsus preconizava o fechamento primário das
feridas recentes e desbridamento das contaminadas para posteriormente poderem ser
suturadas. Além disso, classificou os diferentes tipos de lesões de pele e deu detalhes do
tratamento de cada uma delas. A introdução das armas de fogo nas guerras européias no
século 14 levou ao surgimentode um novo tipo de ferida de cura mais difícil, e Ambroise
Paré, na Renascença reformulou seu tratamento. O avanço da química levou a descoberta
de compostos de cloro e iodo que foram utilizados para limpeza do material e da pele nos
séculos 18 e 19. Atualmente se pretende interferir na biologia molecular, abordando a
síntese de substâncias envolvidas nos fenômenos cicatriciais 1,2.

Figura 1 –Histórico, detalhe de uma taça de Sosias (aprox. 50 a.C.), que mostra Aquiles fazendo
curativo nas feridas de Pátroclo, cena típica dos campos de batalha, onde os guerreiros tratavam
mutuamente de suas feridas (Staatliche Museen, Berlim). Guillen DC et al. Historia del medicamento,
fascículo 2, 1987.

ANATOMIA E FISIOLOGIA DA PELE
A pele recobre toda a superfície do corpo e é o seu maior órgão.Continua-se com as
membranas mucosas que revestem os sistemas digestório, respiratório e urogenital, nos
locais onde estes se abrem para a superfície. É dividida em duas camadas distintas, a
epiderme e a derme, firmemente unidas entre si. A epiderme é a camada mais externa,
composta por três diferentes linhagens celulares: os queratinócitos, os melanócitos e as
células de Langerhans. A derme é acamada mais profunda e é formada por tecido
conjuntivo3,4.
A epiderme organiza-se em camadas e, a medida que as mais superficiais são
eliminadas, as camadas mais profundas são restauradas por divisão celular. É constituída

por cinco camadas: germinativa, espinhosa, granulosa, lúcida e córnea. A camada
germinativa é a mais profunda, e faz limite com a derme, e a camada córnea é a mais
superficial. Acamada córnea, constituída por células escamosas, cheias de queratina,
proporciona proteção contra traumas físicos e químicos. As várias camadas de
queratinócitos intimamente unidos uns aos outros, fornecem barreira contra a invasão de
microorganismos e água. O pigmento melanina na epiderme, protege os tecidos subjacentes
dos efeitos nocivos da luz ultravioleta4.
A derme é uma espessa camada detecido conjuntivo que se estende da epiderme até
o tecido subcutâneo. Nesta camada situam-se os anexos da pele, muitos vasos sangüíneos,
vasos linfáticos e nervos. Pode ser dividida em camada papilar, mais externa, e camada
reticular, mais interna. A derme contém muitos tipos diferentes de células, incluindo
fibroblastos e fibrócitos, macrófagos, mastócitos e leucócitos sangüíneos, particularmenteneutrófilos, eosinófilos, linfócitos e monócitos4.
Esta camada fornece uma base firme para a epiderme e para os anexos cutâneos. As
fibras colágenas proporcionam grande força de tensão e as fibras elásticas dão flexibilidade
a pele. Os plexos vasculares fornecem sangue para a epiderme, sem penetrá-la. O controle
realizado pelo hipotálamo e pelas fibras nervosas simpáticas sobre o fluxo sangüíneo...
tracking img