Sintese

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2757 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Centro Universitário Leonardo Da Vinci
Educacional Leonardo Da Vinci

Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI.
Licenciatura em Ciências Biológicas - Biologia
JUCIMAR ANTONIO MOMOLI
MACIEL ALVES DA CONCEIÇÃO





ERITROBLASTOSE FETAL












Peixoto de Azevedo – MT
2010


JUCIMAR ANTONIO MOMOLI
MACIEL ALVES DACONCEIÇÃO

Eritroblastose fetal

Trabalho de Graduação apresentado à UNICIC-UNIASSELVI como requisito parcial para obtenção de nota do Curso de Licenciatura em Ciências Biologia.

Orientadora: prof. Luciana Biavatti

Peixoto de Azevedo – MT
13-14/11/2010
SUMÁRIO

1. TEMA E PROBLEMA.....................................................................................01
2.JUSTIFICATIVA..............................................................................................02
3. OBJETIVOS......................................................................................................03
4. METODOLOGIA..............................................................................................04
5.CRONOGRAMA...............................................................................................05
6. REFERÊNCIAS.................................................................................................06



1. TEMA E PROBLEMA
Tema: Eritroblastose fetal
Problema: a grande percentagem de casos de eritroblastose no Brasil pode ser explicado pela falta de orientação ou desinteresse dos casais?

2. JUSTIFICATIVA

Sérias sãoas consequências da eritroblastose: a mãe de Rh negativo (Rh-) que teve um filho de Rh positivo (Rh +), e por causa do parto, cesariana ou por um defeito placentário acabou por receber em sua corrente sanguínea sangue do bebê (Rh +), o que é incompatível com seu tipo sanguíneo e por isso desenvolve uma defesa contra o sangue Rh+. Quando tiver outro de Rh + esse pode ser atacado pelo sistema dedefesa da mãe como se fosse um corpo estranho que precisa ser eliminado. A preocupação aqui, é a de levar o conhecimento sobre tal problema, para que todas as mulheres de Rh- possam tomar os devidos cuidados. E ainda, prevenindo futuras mães sobre o mesmo. Nesse caso será ressaltado a importância de conhecer o tipo sanguíneo e Rh próprio para tomar as medidas necessárias. Os motivos de ordem práticasnessa pesquisa são indispensáveis e dignos de atenção porque diz respeito a um problema que é muito comum e por falta de levar esse tipo de discussão a público muitas crianças deixam de nascer ou desencadeiam problemas psicológicos e mesmo físicos na mãe que teve filho Rh +. As contribuições que essa pesquisa tenta abordar tem também o intuito de alertar os profissionais da educação que é precisoorientar os alunos como uma questão de vida ou morte, fato que todo conhecedor não pode negar. Esse tema foi eleito, entre tantos outros que merecem atenção, pela sua relevância e pelo fato de ser um problema que é mais conhecido pela mãe quando fica sabendo pela b oca do médico que ela não pode ter outro filho sob o risco de perdê-lo. Contudo, esse projeto pode contribuir para avaliar apercentagem de alunos que estão informados sobre a eritroblastose e que já pensam em se casar. Do ponto de vista geral o tema acaba por extravasar a sala de aula atingindo a comunidade escolar, por meio dos alunos, os informantes dentro da própria família. Em particular, cada aluno estará ciente e poderá fazer o que seria melhor para a própria vida, evitando cometer erros e sofrendo as consequênciasdisso.

3. OBJETIVOS
Verificar as causas específicas e a natureza das situações e fatos que levam a geração de crianças com eritroblastose fetal.
Examinar as causas de eritroblastose fetal entre os casais e quais os reais motivos que resultaram na situação do problema.
Da mesma forma, analisar os problemas que podem acarretar na vida dos casais.
Observar a importância do conhecimento em...
tracking img