Sintese do livro prof. sim tia nao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (344 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
SÍNTESE
O livro em questão trata dos problemas da profissão do professor de forma objetiva e direta, onde visa que docência não é uma extensão familiar, mas sim uma profissão de importante. Quando odocente permite ser chamado de tio(a), deixa subentendido que tem relações de extrema afetividade com o aluno, isso se torna um problema, pois o aluno espera ter o aconchego e a mesma compreensão queteria diante de uma dificuldade em casa. O professor não é parente, porém é um sujeito responsável pela formação psicomotora e cognitiva de outro sujeito, afim de melhor o adequá-lo ao sistema.Segundo Paulo Freire, além de ter responsabilidade com a formação do seu aluno, o professor tem a responsabilidade de se autoforma com estudos permanentes, mantendo sempre vivo o espírito investigativo,curioso e questionador. A leitura, que é a melhor formadora, deve ser feita de forma crítica, onde o leitor tem que se entregar ao livro fazendo sempre uma assimilação do que estar realmente escrito notexto.
Outro ponto importante que Freire aborda, e no que diz respeito ao ensino dos alunos, onde geralmente são submetidos a uma educação repetitiva e monótona. Estudando conteúdos sem nenhuma ligaçãodireta com seu cotidiano. O professor tem que ter o compromisso de ensinar não apenas as noções básicas das matérias, porém tem que levar o aluno ao seu próprio conhecimento incentivando-o a serquestionado e a ser curioso, fazendo sempre ligações entre o que é ensinado com a vida em sociedade. Ensina-lo a ler o mundo e a escrevê-lo de forma diferente.
Infelizmente os conteúdos programáticosdistribuídos pela secretaria de educação para as instituições de ensino não são formados por Filósofos. A teoria e a prática que deveriam andar juntas, andam em sentidos opostos neste sistema educacional.Muitos professores sabem o que deve ser feito, mas são desmotivados pelos próprios colegas, pela estrutura pedagógica, pela falta de cooperação da rede de ensino.
A utopia de Paulo Freire não...
tracking img