Sintaxe de colocação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 9 (2060 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sintaxe de Colocação
1. A ordem de uma palavra na frase.
2. A ordem dos termos na oração.
3. Voz passiva como uma questão de colocação
4. Colocação de pronomes oblíquos em relação ao verbo.

COLOCAÇÃO PRONOMINAL

De acordo com Pasquale Cipro Neto, em seu livro “Português passo a passo”, colocação pronominal ocupa-se do estudo da posição dos pronomes oblíquos átonos em relaçãoao verbo. Na “Nova Gramática do Português Contemporâneo” de Celso Cunha e Lindley Cintra, classificam a colocação pronominal em:
a) Enclítico
b) Proclítico
c) Mesoclítico

Os pronomes Oblíquos, quando servem de complemento ou adjunto a um verbo. Classificam-se em:
→ Átonos (nunca aparecem precedidos de preposição). São pronomes oblíquos átonos: me, te, se, o, os, a, as, lhe, lhes,nos e vos.
→ Tônicos (usados com preposição);
→ Reflexivos (o complemento é da mesma pessoa do sujeito)

Obj. DIRETO | Obj. INDIRETO |

1ª pessoa: | Me | Nos | Me | Nos |
2ª pess. Direta | Te | Vos | Te | Vos |
2ª pess. indireta | O, a, | Os, as | Lhe | Lhes |
3 ª pessoa | O, a | Os, as | Lhe | Lhes |
singular | plural | singular | plural |VARIANTES DO PRONOME o, a, os, as

O pronome oblíquo átono de 3ª pessoa o, a, os, as toma outras formas, de acordo com a terminação do verbo que o antecede. Assim, transforma-se em:
1) Lo, la, los, las, quando se seguem as formas verbais terminadas nas consoantes r, s e z (as quais, então, são suprimidas).
EXEMPLOS: Vou fazê-lo (fazer + o); o ônibus condu-los (conduz + os) ao colégio

2) No,na, nos, nas, quando se liga as formas verbais terminadas em ditongo nasal.
EXEMPLOS: Põe-no (põe + o); fazem-na (fazem + a); estimam-nos (estimam + os); contam-nas (contam + as)

Próclise 
Próclise 

A próclise é aplicada antes do verbo quando temos:

• Palavras com sentido negativo:
Nada me faz querer sair dessa cama. 
Não se trata de nenhuma novidade.  

• Advérbios:
Nestacasa se fala alemão.
Naquele dia me falaram que a professora não veio.

• Pronomes relativos:
A aluna que me mostrou a tarefa não veio hoje.
Não vou deixar de estudar os conteúdos que me falaram.

• Pronomes indefinidos:
Quem me disse isso?
Todos se comoveram durante o discurso de despedida.

• Pronomes demonstrativos:
Isso me deixa muito feliz!
Aquilo me incentivou a mudar de atitude!

•Preposição seguida de gerúndio:
Em se tratando de qualidade, o Brasil Escola é o site mais indicado à pesquisa escolar.

• Conjunção subordinativa:
Vamos estabelecer critérios, conforme lhe avisaram.

Ênclise
Ênclise

A ênclise é empregada depois do verbo. A norma culta não aceita orações iniciadas com pronomes oblíquos átonos. A ênclise vai acontecer quando:

• O verbo estiver noimperativo afirmativo:
Amem-se uns aos outros.
Sigam-me e não terão derrotas.

• O verbo iniciar a oração:
Diga-lhe que está tudo bem.
Chamaram-me para ser sócio.

• O verbo estiver no infinitivo impessoal regido da preposição "a":

Naquele instante os dois passaram a odiar-se.
Passaram a cumprimentar-se mutuamente.

• O verbo estiver no gerúndio:
Não quis saber o que aconteceu,fazendo-se de despreocupada.
Despediu-se, beijando-me a face.

• Houver vírgula ou pausa antes do verbo:
Se passar no vestibular em outra cidade, mudo-me no mesmo instante.
Se não tiver outro jeito, alisto-me nas forças armadas.

Mesóclise 
Mesóclise 

A mesóclise acontece quando o verbo está flexionado no futuro do presente ou no futuro do pretérito:

A prova realizar-se-á neste domingo pelamanhã.
Far-lhe-ei uma proposta irrecusável.

O PRONOME LHE:

O PRONOME LHE:

Em muitas regiões do Brasil esse pronome é usado na língua oral com qualquer tipo de verbo: “Faz tempo que não lhe vejo”, “Já lhe conheço” etc. Para a gramática normativa, o pronome LHE só deve ser usado com verbos que pedem preposição. Se o livro pertence a alguém (a você, por exemplo), diz-se que...
tracking img