Silabas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2918 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Instituto Superior de Ciências Educativas

Licenciatura em Educação Básica

1º Ano / 2º Semestre

Unidade Curricular:

Introdução á Linguística Portuguesa

Tema do Trabalho:

Descrição da Sílaba no Português Europeu.

Docente: Dr.ª Professora Inês Ribeiros

Índice

Introdução…………………………………………….......................…..3

O que é a sílaba……………………….……………………………....…4A Sílaba no Português Europeu………………….….….......…………4

Quais são os componentes da sílaba no Português Europeu?...................…………………………………….........………..5

• Ataque………………………………………….........…..…6

• A Coda da Rima …….…………………..........………….11

• O Núcleo da Rima………………………..……………..10

Por que serão certas sequências de consoantes inaceitáveis comoataques de sílaba?...................................……….….….......………12

[pic]
“É importante reconhecer que a sílaba ocupa uma posição fixa na hierarquia prosódica, pois ela é um elemento fundamental na fonologia das línguas como domínio de muitas regras ou processos fonológicos.”
(Bisol 1999: 701)
Introdução
No âmbito da unidade curricular Introdução à Linguística daLíngua Portuguesa foi-nos proposto pela docente Dr.ª Professora Inês Ribeiros o seguinte tema: Descrição da Sílaba no Português Europeu.
No contexto de sala de aula o tratamento da sílaba é imprescindível uma vez que permite aos alunos melhorar o seu desempenho linguístico adquirindo conhecimentos sobre a sua estrutura tanto em tarefas de compreensão como de produção oral e escrita.Com “Contar Histórias de Sílabas”, pretende-se listar um conjunto de informações sobre a unidade da sílaba e a sua natureza gramatical, bem como contribuir para a reflexão sobre a importância do tratamento desta unidade no percurso de escolaridade, fornecendo sugestões sobre os formatos que a avaliação do funcionamento silábico da língua pode assumir no contexto educativo.

O que éa Sílaba?
A sílaba é o conjunto de sons que pode ser emitido numa só expiração. Dito por outras palavras é uma vogal ou reunião de fonemas que se pronunciam numa só emissão de voz.
Na língua portuguesa a parte central da sílaba é sempre a vogal. Assim, na sua estrutura existe, uma vogal, à qual se juntam, ou não, semivogais ou consoantes. A maneira mais fácil para separaras sílabas é pronunciar a palavra lentamente, de forma melódica. Na língua portuguesa, os vocábulos são classificados de acordo com o número de sílabas que apresentam, podendo ser:
• Monossílabos (apenas uma sílaba): cão, chá;
• Dissílabos (apresenta duas sílabas): mulher, garfo;
• Trissílabos (possuem três sílabas): macaco, equipe;
• Polissílabos (formados por mais de trêssílabas): amizade; felicidade.
A consoante inicial não seguida de vogal fica na sílaba seguinte (pneu-má-ti-co, mne-mó-ni-co). Se a consoante não seguida de vogal estiver dentro do vocábulo, ela fica na sílaba precedente (ap-to, rit-mo).

| |
||
| |
| |
||
| |
| |
|...
tracking img