Significado nas artes visuais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4633 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
I

Iconografia – ramo da história da arte que trata o tema/mensagem das obras de arte em contraposição à sua forma.
É necessário então definir a distinção entre o significado e a forma.

Exemplo: quando alguém na rua conhecido cumprimenta-me tirando o chapéu, num ponto de vista formal é apenas uma mudança na configuração do padrão geral de cores, linhas e volumes no campo da minha visão.Objecto – cavalheiro
Acontecimento – tirar o chapéu.
Com isto passa-se os limites da percepção formal e passa-se para a esfera do tema/mensagem.
O significado entendido e de natureza elementar e compreensível, chamando-se de significado factual.
Apreendido pela identificação de formas visíveis que são conhecidos pela experiência prática nas relações com acções e factos.

Estes factosobterão uma reacção da minha parte. Poderei saber a respeito do seu humor, dos seus sentimentos a meu respeito e outras nuances psicológicas, que darão um significado ulterior (factos que confirmam as suspeitas, que acontecem depois) que chamar-se-á de expressional.
Difere do factual por ser apreendido por empatia e não por simples identificação. É necessária sensibilidade e familiaridade quotidianacom objectos e factos.
Tanto o significado expressional como o factual poder-se-ão classificar em conjunto, constituindo a classe dos significados primários ou naturais.

A compreensão do acto de tirar o chapéu pertence a um campo diverso de interpretação.
É uma forma peculiar ao mundo ocidental.
Um grego antigo não iria compreender o acto de tirar o chapéu com conotação expressiva.
Paraentender o gesto cavalheiro não é necessário estar somente familiarizado com o mundo prático dos objectos e dos factos mas também com o mundo prático dos costumes e das tradições culturais que são peculiares a uma dada civilização.
Quando interpreto o facto de tirar o chapéu como uma saudação educada, reconheço nele um significado secundário ou convencional.
Difere do primário ou natural por serinteligível, em vez de sensível e por ter sido conferido à acção prática pela qual foi veiculado.

Com isto tudo, este simples acto pode entrar na composição da sua personalidade e da sua experiência de vida.
Essa experiência de vida é condicionada pelo facto de ser um homem do século XX, com bases nacionais, sociais e de educação, pelas circunstâncias actuais que o rodeiam.
Nesta acçãoisolada, estes factos não se manifestam de modo claro, mas sim sintomaticamente.
Não se pode fazer um retrato com base numa acção isolada, mas com um grande número de acções similares interpretamos novas informações quanto à época, nacionalidade, classe social, tradições intelectuais, entre outras.
Este retrato mental mostra que é inerente a cada acção isolada. De modo contrário, cada acção pode serinterpretada à luz dessas qualidades.

-

O significado descoberto é denominado como intrínseco ou conteúdo. É essencial, enquanto os outros dois tipos de significado, primário e secundário, são fenomenais.
É o principio unificar que explica os acontecimentos visíveis e a significação inteligível e determina até a forma sob a qual o acontecimento visível se manifesta.
Normalmente essesignificado intrínseco ou conteúdo está tão acima da esfera da vontade consciente, quanto o significado expressional está abaixo dela.

Utilizando os resultados desta análise da vida quotidiana para uma obra de arte, distingue-se os três níveis do tema ou significado:

I – Tema primário ou natural, subdividido em factual e expressional.
Apreendido pela identificação das formas puras, através deconfigurações de linhas e de cor ou determinados pedaços de bronze ou de pedra, representativos de objectos.
Pela percepção de algumas qualidades expressionais – como o caractér de uma pose ou de um gesto, ou a transmissão do interior da obra.
O mundo das formas puras portadoras de significados primários ou naturais pode ser chamado o mundo dos motivos artísticos.
A enumeração desses motivos...
tracking img