Sigmund freud

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3113 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Sigmund Freud

Sigmund Freud foi o grande "criador" da psicanálise. Ele criou com base científica explicações plausíveis para os processos do psiquismo, até então, um tanto quanto desconhecidos.
A psicanálise, enquanto teoria, caracteriza-se por um conjunto de conhecimentos sistematizados sobre o funcionamento da vida psíquica. Enquanto método de investigação, é caracterizada pelainterpretação de ações e palavras ou pelas produções imaginárias, buscando um significado racional para todas estas. É uma ciência que busca o auto-conhecimento de cada um, levando em conta que cada ser humano possui uma história de vida única que é interferida por situações já vividas e pelo meio social em que vive. Também é importante para compreensão de fenômenos sociais, buscando uma resposta para atitudesde todo um grupo social. Para Freud, o sonho é uma tentativa de realização do desejo.
A GESTAÇÃO DA PSICANÁLISE
Freud foi um médico vienense que se especializou em psiquiatria. Trabalhou por um período em um laboratório de Fisiologia e dando aulas sobre Neuropatologia em um instituto.
Começou a clinicar pessoas diagnosticadas com "problemas nervosos". Obteve ao final da residência médica, umabolsa de estudo em Paris, onde trabalhou com Jean Charcot, psiquiatra que tratava histerias com hipnose. Freud também usava a hipnose para obter a história de origem dos sintomas de seus pacientes.
Após, voltou para Viena e utilizou dos mesmo método com seus pacientes. Porém, após tratar de Ana O. que apresentava sintomas físicos devido a grande repressão de desejos idéias e sentimentos mudou oseu "método de cura" para o catártico, devido influência de Josef Breuer. O método denominado catártico é o tratamento que possibilita a liberação de afetos e emoções ligadas a acontecimentos traumáticos que não puderam ser expressos na ocasião da vivência desagradável e dolorosa. Esta liberação de afetos leva à eliminação dos sintomas.
A DESCOBERTA DO INCONSCIENTE
Ao observar que conforme seuspacientes expressavam vergonha ou embaraço ao falar livremente de suas vidas, Freud denominou resistencia o ato de se opor a tornar consciente estes fatos. Chamou de repressão o ato de encobrir uma idéia ou representação insuportável ou dolorosa. Estes conteúdos "localizam-se" no insconsciente.
A PRIMEIRA TEORIA SOBRE A ESTRUTURA DO APARELHO PSÍQUICO
Em seu livro A interpretação dos sonhos, Freudapresentou a primeira concepção sobre a estrutura e o funcionamento da personalidade.
O inconsciente é constituído por conteúdos reprimidos, que não tem acesso ao pré-consciente/consciente, por censura interna. Esses conteúdos podem ter sido conscientes em algum momento. O inconsciente é regido por leis próprias de funcionamento (sendo atemporal, por exemplo).
O pré-consciente é onde permacemconteúdos acessíveis à consciencia a qualquer momento.
O consciente é o sistema que recebe informações tanto externas quanto internas. Destaca-se o fenômeno da percepção.
A DESCOBERTA DA SEXUALIDADE INFANTIL
A sexualidade coloca-se no centro da vida psíquica. Esta afirmação teve profunda repercussão social, pois a sociedade da época acreditava na infância como "inocencia".
A função sexualexiste desde o princípio da vida. É um período longo e complexo até chegar à sexualidade adulta. É denominado libido a energia dos instintos sexuais.
O indivíduo nos primeiros anos de vida, busca a satisfação e o prazer sexual ligado a atitudes de sobrevivência. O corpo é erotizado. São cinco fases de desenvolvimento sexual: Oral (pela boca), Anal (pelo ânus), Fálica (órgão sexual) e a Latência que seprolonga até a puberdade e se caracteriza por uma diminuição das atividades sexuais. Após estas, ocorre a Genital, onde o ser humano busca prazer no corpo de outro.
Dentre esses processos de desenvolvimento, ocorre a estruturação da personalidade que gira em torno do complexo de Édipo, onde a mãe é o objeto de desejo do menino e o pai seria o rival. Existe ainda o complexo de Édipo feminino,...
tracking img