Sigmond freud

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (725 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SIGMUND FREUD
Sigmund Freud, foi um medico neurologista.Judeu - Austriaco, fundador da pscanálise. Nascido com o nome de Sigismund Schlomo Freud, em 1877 abreviou seu nome para sigmind Freud ; eraexelente aluno , porém, por ser judeu, só poderia escolher entre os cursos de Direito e Medicina, optando por esse último.
Os primeiros anos de Freud são pouco conhecidos, ja que ele destruíra seusescritos pessoais. Além disso, seus escritos posteriores foram protegidos cuidadosamente nos Arquivos de Sigmund Freud aos quais só tinham acesso uns poucos membros da psicanálise.
Freud iniciou seusestudos pela utilização da hipnóse . Ao observar a melhoria de pacientes, elaborou a hipótese de que a causa da doença era psicológica. Essa hipótese serviu de base para seus outros conceitos, como odo inconsciente.
Freud abandonou o uso de hipnose em favor da interpretação de sonhos e da livre associação, como fontes de desejos do inconsciente.
Em 14 de setembro de 1886, emHamburgo, Freud casou-se com Martha Bernays e tiveram seis filhos; um deles Martin Freud, escreveu uma memória intitulada Freud: Homem e Pai , na qual descreve o pai como um homem que trabalhaextremamente, por longas horas, mas que adorava ficar com suas crianças durante as férias de verão. Por sua vida toda, ele teve uma posição financeira modesta.
Freud criou o termo "psicanálise" paradesignar um método para investigar os processos inconscientes e de outro modo inacessíveis do psiquismo. Registros de amigos que o conheciam naquela época, sugerem que ele foi menos diligente nos estudos demedicina do que deveria ter sido. em lugar dos estudos, ele atinha-se à pesquisa científica. Segundo esses registros, seus estudos na universidade, iniciaram aos 17 anos, graduando-se em 1881. Seuprincipal modelo de ciência foi Ernst Brucke, Com o qual estudou anatomia e histologia do cerebro humano.
Freud, casado com Martha Bernays, ganha pouco e a perspectiva de melhora leva- o a abandonar...
tracking img