Sherlock holmes - um estudo em vermelho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1650 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTÁCIO FACULDADE SÃO LUIS
CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL COM HABILITAÇÃO EM PUBLICIDADE E PROPAGANDA
METODOLOGIA CIENTÍFICA
Profa. Maristhela Rodrigues

Marília Costa Fernandes

SHERLOCK HOLMES – UM ESTUDO EM VERMELHO
Resenha

São Luís
2012

Marília Costa Fernandes

SHERLOCK HOLMES – UM ESTUDO EM VERMELHO

Resenha apresentada à disciplina de Metodologia Científica, como requisitopara obtenção parcial de nota de 1° bimestre, professora Maristhela Rodrigues.

São Luís
2012
_______________________________________________________________

DOYLE, Arthur Conan. Sherlock Holmes: Um estudo em vermelho. Rio de Janeiro: Zahar, 2009.

Resenhado por Marília Costa Fernandes, graduanda do Curso de Comunicação Social com Habilitação em Publicidade e Propaganda.

Arthur ConanDoyle (1859-1930), médico e autor Escocês, nascido em Edimburgo, publicou em 1887, Sherlock Holmes – Um estudo em vermelho. Retrata em seu livro a emocionante narrativa do Dr. Watson, um médico, ex-oficial do exército e de seu companheiro de quarto, Sherlock Holmes. Doyle descreve seus personagens com muita atenção e riqueza nos detalhes, tornando a história mais interessante e atraente, envolvendomistério, amor e morte.
Na parte 1, a narrativa se desenvolveu, na sua maioria em Londres e descrita por Watson. Na parte 2, Doyle nos converte para o oeste americano, assim, ao final do livro, há o entrelace das narrativas e a conclusão do interessante caso “um estudo em vermelho”.
Doutor Watson, ex-oficial do departamento médico do exército, encontrava-se de licença do exército por ter sidoferido em combate no Afeganistão. Sem nenhum conhecido e com pouco dinheiro para bancar o estilo de vida que levava, Dr. Watson reencontra um companheiro, não tão íntimo na época do regimento, mas como estava solitário, aquele parecia ser a única pessoa ou a mais importante naquele momento de solidão vivido na grande Londres para partilhar um pouco de suas angústias. Foi então que o velhoconhecido, Stamford apresentou-lhe Sherlock Holmes, um assistente de laboratório químico, misterioso, porém comunicativo, que queria economizar algumas despesas e procurava por alguém para dividir o aluguel de um apartamento e que se possível não se importasse com algumas de suas manias.
As manias peculiares de Holmes chamavam a atenção de seu amigo de quarto, levando o médico (impossibilitado de fazergrandes esforços), a observar minuciosamente qual o objetivo e o que, de fato, ele exercia além de fazer experimentos em um laboratório. Era sossegado e tinha hábitos regulares, dormia cedo e ao amanhecer já se encontrava de pé. Apreciava violino, entendia as leis inglesas e tinha um profundo estudo na química. Rico em umas faculdades, superficial em outras. Watson ficara cismado com Holmes quandoele dissera que desconhecia a Teoria de Copérnico (a Terra gira em torno do sol).
As constantes visitas que Holmes recebia no apartamento, depois de uma semana morando na Baker Street, levavam as observações feitas por Watson a se concretizar em uma conversa de março, afirmando que Holmes era detetive-consultor. Doyle apresenta significativos argumentos sobre uma lógica dedutiva e intuitivautilizada por seu personagem.
Convidado pela corporação Scotland Yard para analisar um assassinato ocorrido em Lauriston Gardden, com um estrangeiro americano sem marcas de violência, estendido em uma sala sem mobília de uma casa abandonada, uma aliança de ouro, cinzas de cigarro, marcas no jardim e na rua e uma palavra “rache” (vingança em alemão), escrita com sangue na parede, Holmes incentivadopor Watson, começa a fazer a sua investigação sobre a cena do crime. A vítima, Drebber, tinha um secretário, que mais parecia seu guarda-costas, Stangerson, que fora, poucos dias depois, assassinado, ou melhor, esfaqueado em um quarto de hotel da cidade e a mesma palavra encontrada de sangue riscada na parede no assassinato de Drebber estava presente na cena de Stangerson: rache.
Lastrade, um...
tracking img