Senso comum

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1459 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1 “O que é necessário não é a vontade de acreditar, mas o desejo de descobrir – que é justamente o oposto.” Bertrand Russell SUGESTÃO DE AULA SOBRE SENSO COMUM X INVESTIGAÇÃO FILOSÓFICA Como sabemos, o conhecimento obtido por meio da investigação filosófica difere grandemente do conhecimento formado e difundido por meio do senso comum. Sugerimos uma aula (ou conjunto de aulas) nas quais sediscute sobre as características dos diferentes tipos de conhecimento, destacando a superioridade do pensar filosófico sobre a mera opinião.

SENSIBILIZAÇÃO / MOBILIZAÇÃO PAR A O CONHECIMENTO

Autor: Benett. Disponível em http://www.gazetadopovo.com.br/charges/index.phtml? foffset=&offset=&ch=Benett. Acesso em 21/02/2013 Neste primeiro momento, o(a) professor(a) sugere a observação e análise dacharge acima, destacando, junto com os alunos, suas principais características: • • • • Quem são os personagens, ou seja, quem eles representam? Seriam eles exemplos da população em geral? Qual a situação (contexto) em os personagens aparecem na imagem? Todos os personagens aparecem na mesma situação?

2

PROBLEMATIZAÇÃO Na problematização, o estudante deve ser levado a discutir a relação entresenso comum e conhecimento filosófico. Para tanto, é preciso refletir sobre o conceito de SENSO COMUM. O que é o chamado “senso comum”? Como ele é formado em nossa sociedade? Quais as suas características, que o diferem do conhecimento que obtemos por meio da reflexão filosófica? Uma maneira interessante para compreender as principais características do senso comum consiste em relacioná-las àsprincipais características do conhecimento filosófico, contrapondo-as. O quadro abaixo apresenta algumas das principais características desses tipos de conhecimento.

CARACTERÍSTICAS DO SENSO COMUM • • Pouco rigoroso; Excessivamente prático (não fundamentado teoricamente); • • Excessivamente subjetivo; Não admite questionamentos (é dogmático); • Generalizador/ generalizante.

CARACTERÍSTICAS DOPENSAR FILOSÓFICO • • • • • • Rigoroso; Objetivo; Universalizante; Radical; Homogêneo; Exige reflexão (admite questionamentos).

Uma possibilidade de ampliação da problematização é propor uma atividade de pesquisa (individual ou em duplas ou grupos), completando e ampliando o quadro acima, bem como explicando cada uma das principais características, tanto do senso comum quanto do pensamentofilosófico. Uma outra interessante atividade é pedir que os alunos tragam exemplos de afirmações feitas pelo senso comum da sua própria comunidade ou família como, por exemplo, as superstições passadas de geração a geração. Eis alguns exemplos: • • • • • Passar por baixo de escadas dá azar; O número 13 dá azar ou sorte; Se abrir guarda-chuva dentro de casa ou deixar o chinelo virado a mãe morre; Comermanga com leite causa morte; Masturbação causa espinha e pelos na mão.

3

INVESTIGAÇÃO Nessa etapa, os estudantes aprofundam o entendimento do assunto, por meio da pesquisa propriamente dita, consultando textos e debatendo os resultados da pesquisa. É muito importante frisar que o conhecimento obtido e utilizado a partir do senso comum nem sempre é falso, errado ou inadequado. Basta lembrar oscasos dos chamados “remédios caseiros”. Quem nunca ouviu falar do famoso “chazinho” calmante, ou da canja de galinha usada no combate à gripe, tão recomendada pela vovó e cuja eficácia viria a ser comprovada por pesquisas científicas? Quando falamos em senso comum não se trata, portanto, exatamente de um conhecimento “menor”, mas de um tipo de conhecimento menos rigoroso e aprofundado do que oconhecimento filosófico. Trata-se de destacar a fragilidade do senso comum frente à abordagens mais racionais (como a filosófica ou a científica) e o grande risco da criação e manutenção de atitudes dogmáticas quando apoiamos nossas opiniões única e exclusivamente nele. Propomos o uso do livro didático como fonte de apoio. Como exemplo, extraímos um trecho do capítulo 29 (A atitude científica) do...
tracking img