Senior

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1676 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A Maturidade Organizacional em Gerenciamento de
Projetos (OPM3®) de Informática em Saúde
Luis Augusto dos Santos 1, Heimar de Fátima Marin 2
1

2

Engenheiro Eletricista, membro do NIEn e pós-graduando pela UNIFESP, Brasil
Enfermeira, Docente em Informática em Saúde, Profa. Associada Livre-docenteda UNIFESP, Brasil

Resumo - O modelo OPM3® em organizações de saúde para avaliar amaturidade em gerenciamento de
projetos de tecnologia da informação. É apresentado um modelo desenvolvido por uma comunidade
internacional de gerenciamento de projetos para a disseminação desse conhecimento. Auxilia a identificar as
práticas existentes na organização comparando com práticas globais de gerenciamento de projetos.
Palavras-chave: Gerenciamento de Projetos; Maturidade em Projetos;Informática Médica.
Abstract – The model OPM3® in health care organizations to evaluate the maturity in information technology
project management. It is presented a model developed for an international community of project management
for the dissemination of this knowledge. It assists to identify existing practices in the organization comparing with
global practices project management.
Key-words:Project Management; Project Maturity; Medical Informatics.

Introdução
As organizações que procuram identificar
melhores práticas1 para empreenderem mudanças
em suas áreas de negócios, devido a novas
oportunidades ou a solução de problemas, podem
usar as técnicas Gerenciamento de Projetos (GP).
Todo projeto tem as características de serem
temporários e criarem produtos, serviços ou umresultado exclusivo. Temporário significa definir
datas de inicio e fim, a criação de exclusividade é
fazer algo que nunca foi feito antes.
A maturidade em projetos é a utilização de
práticas adequadas para cada organização,
segundo sua área de atuação, porte, complexidade
e recursos disponíveis.
O modelo OPM3®, Organizational Project
Management Maturity Model [1], é uma ferramenta
paraauxiliar organizações de qualquer tamanho,
área ou complexidade de seu ramo de atuação,
que visa identificar sua maturidade no uso de
práticas de GP, práticas que são comumente
aceitas mundialmente, propõem também uma
seqüência de implantação de melhores práticas
apoiada na estratégia da organização.

1

“Melhor prática” é um ótimo processo atualmente reconhecido no
mercado para a conquistade determinada meta ou objetivo, sem possuir
uma base teórica.

A tecnologia de informação (TI) tem
procurado apoio em modelos, tais como os
modelos CMM®, CMMI®, RUP® e PRINCE2®.
Esses modelos são voltados para auxiliar o
desenvolvimento de software e sistemas de
informação, face a velocidade de mudanças
tecnológicas.
Este trabalho tem como objetivo verificar se
as organizações desaúde, que cada vez mais
utilizam os recursos de TI, se adotam as melhores
práticas mundiais de GP como as grandes
organizações, tais como IBM, HP e EDS, essas
incentivam seus profissionais a utilizarem essas
práticas e adotarem uma metodologia [2].
Método
Um questionário de 151 questões de
respostas fechadas, sim ou não. As respostas
positivas recebem pesos, através de um aplicativo
queacompanha o modelo OPM3®, desenvolvido
pelo PMI®, Project Management Institute.
O questionário deve ser respondido pela
equipe de GP, os gerentes e os membros da
equipe.
As respostas do modelo indicam a
quantidade de melhores práticas presentes na
organização em percentuais, para os grupos de
gerenciamentos de processos de iniciação,

planejamento, execução, controle e encerramento
deprojetos. Vide figura 1.

PLANEJAR

INICIAR

As práticas presentes indicam o percentual
de maturidade da organização em gerenciamento
de projetos, programas e portfolio (PPP), vide figura
3a. O modelo apresenta, também, o percentual de
práticas padronizadas, medidas, controladas e de
incrementos de melhorias (Standard, Measure,
Control e Improvement – SMCI), vide figura 3b.

EXECUTAR...
tracking img