Senhor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (624 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Nosso título: Propostas que focam o conteúdo explícito em atividades de mapeamento do dito
A autora aborda a prática docente em apenas mostrar aos alunos os sentidos que estão estritamentedeclarados, escritos, expressos no texto de um modo engessado, sem interpretações extensivas.

Quando as PCN mencionam que ler transcende codificar, está afirmando logicamente que o codificar é necessário,pois quem lê deve no mínimo conhecer o código, ou seja, a escrita.
No entanto, o transcender está exatamente colocado no sentido de ir além.

Analogamente, como exemplo bem claro de aprender aler o que não está escrito – sem a mínima intenção de causar o contumaz frisson que o tema enseja – mas como está na moda – podemos lembrar o que fazem os políticos brasileiros, notadamente aqueles queperderam o poder no âmbito federal nos últimos 8 anos.

Em todas as manifestações desses derrotados nas urnas em 2002, nota-se a intenção velada em afirmar que todos os problemas da nação foramcausados por esse último governo, notadamente a corrupção. Tentam fazer a grande parcela mais ingênua da população engolir que eles não têm culpa pelos inúmeros caos que assolam a nação, quando basta terum mínimo de tirocínio para saber que, durante mais de 500 anos eles esfolaram o país e agora, querem colocar toda a culpa apenas em um, no último.

Recorrendo a Kleiman, enaltece o fato de que umaleitura apenas como decodificação é empobrecedora e, não permite aos alunos o ato de pensar. Coisa própria dos regimes de governo que tinham esse interesse antigamente no Brasil.

Ainda, lembrandoas recomendações de Koch, enaltece o fato de se permitir aos leitores que entendam não só os significados explícitos, expressos, bem como os implícitos ou não escritos literalmente.

No mesmosentido, a Autora recorre a Ducrot, para quem é possível identificar três tipos de implícitos, quais sejam:
Aqueles baseados na enunciação, envolvendo subentendidos: que são os implícitos que se percebe...
tracking img