Senhor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1827 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Evolução dos Modelos atômicos e o insucesso da mecânica clássica

Nesse estudo vamos demonstrar os aspectos e formatos dos modelos atômicos desde os modelos oriundos de pensamentos filosóficos sem nenhuma comprovação cientifica,passando pelos modelos de Dalton à Sommerfeld feitos com experimentos científicos,e como a mecânica clássica falhou ao tentar explicar ao tentar explicar o movimentodas partículas sub-atômicas.

Por volta de (450 A.C) o homem já procurava explicar a continuação da matéria,essa tentativa era realizada através de pensamentos filosóficos e não possuíam quaisquer experimentos para explicá-los,o modelo mais famoso era o de Aristóteles ,que dizia que a matéria era continua e indivisível.Tais pensamentos permaneceram até o Século XVII,quando experimentosconstataram que o comportamento da matéria era inconsistente ,caindo por terra o conceito de Aristóteles de matéria continua.Nesse período foram realizados muitos experimentos e foram obtidas muitas informações,contudo havia a necessidade de se fazer uma analise mais cuidadosa e medidas mais exatas.Porem,perguntas ainda haviam ficado sem resposta e havia a necessidade de algumas respostas.

No final doséculo 18, Lavoisier e Proust iniciaram experiências relacionando entre si as massas das substâncias participantes das reações químicas. Surgiram então as leis ponderais das reações químicas ( leis formuladas por Lavoisier, Proust, Dalton e Richter
).

O Átomo de Dalton
Em 1803, John Dalton, acreditando nas leis da conservação de massa e da composição
definida, propôs uma teoria queexplicava estas e outras generalizações químicas.Ele foi capaz de sustentar este conceito com evidências experimentais que ele e outros obtiveram.

Para explicar essas leis, em 1.808, Dalton propôs a sua teoria e o seu modelo atômico: o átomo é uma minúscula partícula ( esfera ) maciça, indestrutível, impenetrável e indivisível. Para ele todos os átomos de um mesmo elemento químicosão idênticos, mas esses são diferentes dos átomos dos outros elementos químicos. Seu modelo atômico também é conhecido como modelo da bola de bilhar.

Dalton em sua teoria,por exemplo, explicou com sucesso por que a massa
é conservada nas reações químicas.Algumas idéia de Dalton ainda são aceitas hoje,porem sua teoria se mostra imperfeita ao afirmar que todos os elemento de um átomo tema mesma massa o que é um equivoco pois os elementos são formados por isótopos,alem disso Dalton deixou muitas duvidas em distinção do átomo e da molécula.Contudo o conhecimento fornecido por Dalton foi de grande valor científico,e forneceu um grande estimulo para se começar a pensar com seriedade sobre a existência dos átomos.

OS PRIMEIROS EXPERIMENTOS DE ELETRÓLISE
Atualmente, evidencia-seuma íntima relação entre a matéria e a eletricidade.Em 1832, Faraday foi capaz de mostrar que a quantidade de um produto formado em uma eletrólise depende da quantidade de eletricidade usada e da identidade do produto.Suas observações são conhecidas como leis de Faraday.

EXPERIMENTOS EM TUBOS DE CROOKES

O primeiro experimento dá indícios de que átomos poderiam serconstituídos de partes
menores; ainda partículas mais simples surgiram em 1850.

Os experimentos dos tubos Crookes evidenciam que alguma coisa deixa o cátodo e viaja para o anodo.Originalmente pensou-se ser um raio de luz que posteriormente foi chamado de raio catódico. Raios catódicos pode ser compreendido como sendo um feixe de partículas carregadas de carga elétrica negativa. Para melhorcompreensão é necessário analisar, ou pelo menos imaginar um fato ( ou uma "experiência" ).

Consideremos um tubo de vidro contendo gás no seu interior e munido de dois eletrodos. Quando o tubo contém gás sob pressão normal, verifica-se que não há descarga elétrica no seu interior (não há emissão de luz), mesmo quando aplica nos eletrodos uma diferença de potência da ordem de ( 10.000...
tracking img