Semantica e estilistica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1875 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SEMÂNTICA E ESTILÍSTICA DA LÍNGUA PORTUGUESA

Semântica
Semântica: seu objetivo é o estudo sistemático do sentido das línguas naturais.

Afinal, o que é sentido?

1. A palavra nomeia os objetos do mundo, sem uma inserção sócio-histórica ou cultural (nomenclatura)
2.A palavra depende do discurso, ou seja, adquire significado inserida no contexto da comunicação que determina pontos devista sobre os objetos do mundo

1. Semântica do referente
Herança dos filósofos gregos, cuja crença era de que as palavras remetem aos conceitos que representam as coisas do mundo: o mundo é o mesmo para todos
Relega o problema da interpretação a um segundo plano: os conceitos são universais, imutáveis para todo e qualquer ser humano. Não importa a sua cultura.

2. Semântica e ainfluência retórico-hermenêutica
A produção de sentido ocorre “de homens para homens” e não simplesmente entre linguagem humana e mundo;
A produção de sentido é um fenômeno humano em que há um fazer persuasivo do locutor e um fazer interpretativo do interlocutor;

Semântica e a influência retóricohermenêutica
Para Saussure:
signo linguístico:
significante (imagem acústica)significado ( conceito do objeto)
convencionada socialmente
Ex.: a palavra “casa”
significante é a cadeia de sons /k+a+z+a/ e o conceito é a “interpretação” que se estabelece para essa sequência de sons entre os falantes da língua portuguesa;

Perspectiva retórico-hermenêutica
A verdade:
é construída pelos homens
por isso, torna-se múltipla
variável em função dosdiferentes pontos de vista humanos
Semântica:
deixa de lado as noções lógicas
se aproxima de questões relacionadas à visão retórico-interpretativa:
o dito, como é dito e que efeitos influem sobre o interlocutor
a palavra é sócio-histórica

Interatividade
Determine a alternativa incorreta:
a) A semântica do referente é aquela que acredita na inserção sócio-históricadas palavras e dos conceitos;
b) A semântica do referente acredita que as palavras remetem aos conceitos e que estes representam as coisas do mundo;
c) A semântica do referente acredita que o mundo é o mesmo para todos;
d) A semântica do referente relega o problema da interpretação a um segundo plano;
e) A semântica do referente não condiz com a influência filosófica retórico-hermenêutica.Semântica lexical
À Semântica lexical cabe estudar o significado das palavras de uma língua em dois planos: significante (plano da expressão) e significado (plano do conteúdo);
À fonologia cabe descrever as unidades distintivas do plano de expressão (fonemas). Por exemplo /p/ apresenta os seguintes traços: + oclusivo,+oral, +bilabial; o fonema /t/ tem todos os traços do fonema/p/ e o que osdistingue é o traço + dental para o fonema /t/;
Semântica lexical
Conteúdo da palavra:
Organizado por semas: traços distintivos
Ex:
semas de cadeira poltrona sofá
Para sentar-se + + +
Com pés/elevado
sobre o solo + + +
Com encosto + + +
Com braços + + +
De material rígido - + -
Para umapessoa + + -

Análise componencial ou sêmica
É elaborada com base na presença/ausência dos traços distintivos (semas).
O conjunto desses traços se define por semema

Dicionário
lexema semema

sorte sf 1 Fado; destino. 2 Risco;
acaso. 3 Quinhão que tocou em
partilha ou sorteio. 4 Modo; maneira.

Análise componencial ou sêmica
Semas: gradaçãodeterminada por uma interpretação mais objetiva até a menos objetiva (subjetiva) que pode variar de um contexto a outro.
Ex: a palavra “branco”
no dicionário, é definida de forma objetiva
no texto jornalístico “Agora é branco”, que retrata um encontro do partido dos trabalhadores, extraído da revista Isto É, o branco faz referência à nova cor do partido, ressaltando a neutralidade das ideias do...
tracking img