Seletividade de extratos vegetais utilizados no manejo ecologico da lagarta do cartucho do milho, spodptera frigiperda (j.e.smith)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4527 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SELETIVIDADE DE EXTRATOS VEGETAIS UTILIZADOS NO MANEJO ECOLOGICO DA LAGARTA DO CARTUCHO DO MILHO, Spodptera frigiperda (J.E.SMITH)

1 INTRODUÇÃO
A lagarta do cartucho, Spodoptera frugiperda (J.E. Smith) (Lepidoptera,: Noctuidae) é uma das mais expressivas pragas da cultura do milho. Logo, seu controle é essencial para reduzir o prejuízo que pode ser causado à produção de milho, sendoindispensável para o aumento da produtividade.
O controle dessa praga agrícola é realizado atualmente quase que exclusivamente com a aplicação de agroquímicos de largo espectro de ação, devido principalmente, a sua eficiência e facilidade de uso. Entretanto o uso abusivo de inseticidas pode ocasionar a redução de populações de inimigos naturais, a intoxicação do homem, contaminação do meio ambiente e oaumento da possibilidade do surgimento de insetos resistentes aos inseticidas utilizados (VILLAS BOAS et al., 1990; FRANÇA & MEDEIROS, 2000). Essa situação torna evidente a necessidade de métodos de controle alternativos, menos tóxicos e adequados às condições socioeconômicas dos agricultores brasileiros.
Uma das opções promissoras para atender essas condições é o controle biológico utilizandoinsetos entomófagos (IDRIS & GRAFIUS, 1998). Dentre esses insetos destacam-se os parasitóides de ovos do gênero Trichogramma, considerado um importante agente de controle biológico em diversas culturas de interesse econômico (PARRA, 2002), por apresentar ampla distribuição geográfica, ser altamente especializado e eficiente. Um grande número de espécies desse parasitóide tem sido coletado em mais de200 hospedeiros, pertencentes a mais de 70 famílias e 8 ordens (ZUCCHI & MONTEIRO, 1999). O parasitóide Trichogramma sp. tem sido utilizado em mais e 30 países no controle de pragas chaves de 34 culturas, sendo liberados de forma inudativa em cerca de 32 milhões de hectare (HASSAN, 1997).
Embora existam exemplos de controle biológico de sucesso, o controle químico ainda é indispensável emdiversas culturas (PARRA, 1993). A presença de pragas em níveis que causam dano econômico na cultura pode aumentar o número de aplicações de inseticidas. Assim o controle biológico pode ser severamente prejudicado.

A seletividade, segundo Cruz (1995), é a chave para o Manejo Integrado de Pragas em sistemas que visam reduzir a população de insetos nocivos, sem alterar ou promovendo o mínimo possívelde alteração em outros componentes do agroecossistema e do ambiente de modo geral.

Então no intuito de reduzir os efeitos colaterais do controle químico sobre inimigos naturais o uso de produtos seletivos tem sido muito valorizado. Entretanto, muitos dos produtos sintéticos utilizados até o momento ainda são extremamente nocivos ao controle biológico. Isso tem levado a um crescente interesseem inseticidas botânicos como o nim Azadirachta indica.
A planta do nim (Azadirachta indica Juss) tem mostrado acentuada atividade inseticida para várias espécies de pragas, incluindo a Spodoptera frugiperda. A maioria dos resultados sobre a utilização do nim para o controle de pragas foi obtida com produtos preparados através da moagem ou extração de óleo das sementes. Tem sidodemonstrado, na literatura que pequenas quantidades de azadiractina, o principal ingrediente ativo, reduzem a alimentação, retarda a ecdise, causa a mortalidade de larva e pupas e esteriliza os adultos de várias espécies de lepidópteros (PRATES & VIANA, 2003). O uso de folhas no preparo do extrato tem as vantagens de uma produção abundante, nas condições brasileiras, e do extrato ser de fácil preparoviabilizando a sua utilização, principalmente em pequenas propriedades rurais.
O uso do nim como alternativa a inseticidas sintéticos de amplo espectro vem sendo testado por diversos agricultores. Entretanto o efeito do nim sobre T. prestiosum foi pouco estudado até o momento. Assim com o avanço nas pesquisas relacionadas aos inseticidas de origem vegetal possibilitam perspectivas para sua...
tracking img